Meteorologia

  • 23 JANEIRO 2021
Tempo
15º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

RE/MAX Portugal compra marca na Alemanha num investimento de 4 milhões

A mediadora imobiliária RE/MAX Portugal anunciou hoje a compra dos direitos de 'franchising' da marca na Alemanha, um investimento de quatro milhões de euros, num mercado que, até final deste ano, deverá faturar mil milhões de euros.

RE/MAX Portugal compra marca na Alemanha num investimento de 4 milhões
Notícias ao Minuto

17:13 - 30/09/19 por Lusa

Economia Imobiliário

Com esta operação, a RE/MAX Portugal reforça a "aposta na expansão internacional" e dois meses após de ter adquirido os direitos da RE/MAX França realiza agora este negócio, num investimento avaliado em quatro milhões de euros ao longo de três anos, refere a empresa em comunicado.

O convite para a concretização desta operação veio da RE/MAX Europa, que "voltou a reconhecer o sucesso da operação em Portugal", onde a RE/MAX é "líder destacada, quer em notoriedade, quer número e volume de transações", segundo a informação divulgada.

De acordo com o comunicado, o objetivo será "replicar na Alemanha o modelo de negócio que tem sido um caso de sucesso em Portugal".

A RE/MAX está na Alemanha desde 1997 e, com sede em Estugarda, é a terceira maior rede a operar neste país e a primeira em termos de marcas internacionais, possuindo 181 agências, um número que tem vindo a crescer ao longo do último ano e que, com esta aquisição, deve aumentar, já que o objetivo é abrir 100 unidades por ano.

Nos primeiros meses deste ano, a RE/MAX na Alemanha registou um crescimento de 13,3% nos valores de negócio e de 4,7% em transações.

No ano passado foram vendidos 3.742 imóveis na Alemanha, mas as perspetivas para este ano são "bastante animadoras", prevendo-se um volume de negócios de mil milhões de euros até ao final deste ano, salienta-se no comunicado.

"A aquisição da RE/MAX Alemanha vai contribuir para o crescimento do mercado imobiliário na Europa, dando, simultaneamente, informações bastante válidas sobre as tendências imobiliárias a nível europeu", explica a nota informativa, lembrando que as equipas da RE/MAX Portugal vão levar para este país o seu 'know-how', ideias e as boas práticas, essenciais para que esta operação venha a ser tão bem-sucedida como a portuguesa.

O mercado imobiliário germânico é um pouco diferente do português e mesmo do europeu. Apenas 51,40% dos alemães compraram a casa onde vivem, o que é uma das percentagens mais baixas da União Europeia.

Ainda assim, 90% das transações da RE/MAX Alemanha são vendas.

O mercado imobiliário alemão está em expansão, sendo que o preço arrendamento está a aumentar 3,2 % por metro quadrado e o dos imóveis deverá subir, até ao final do ano, cerca de 3%, e os alemães procuram sobretudo moradias e casas geminadas com terrenos na ordem dos 500 metros quadrados (m2), segundo a RE/MAX.

A RE/MAX Portugal encerrou 2018 com um volume de transações na ordem dos 3,3 mil milhões de euros, relativos às 62.287 transações que realizou nesse período, 79% das quais de compra e venda de imóveis.

Tratou-se de um ano que culminou num crescimento de 9% no volume total de transações e de 17% em volume de negócios face ao ano anterior, assinala o comunicado da empresa de mediação imobiliária.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório