Meteorologia

  • 23 OUTUBRO 2019
Tempo
16º
MIN 14º MÁX 19º

Edição

Motoristas: Fectrans e ANTRAM reúnem-se para discutir acordo assinado

Reunião decorre ao início da tarde desta segunda-feira, na sede da ANTRAM, em Lisboa. Em cima da mesa estará o memorando assinado entre as duas partes a 14 de agosto.

Motoristas: Fectrans e ANTRAM reúnem-se para discutir acordo assinado

A Fectrans, sindicato que não aderiu à greve dos motoristas, e a Associação Nacional de Transportadores Públicos, Rodoviários de Mercadorias (ANTRAM) vão sentar-se à mesa, esta segunda-feira, para discutir o acordo que assinaram a 14 de agosto

Contrariamente ao que tem acontecido, desta vez o encontro decorre na sede da ANTRAM, em Lisboa, por volta das 14h30, de acordo com um comunicado emitido pelo sindicato. 

Além do memorando assinado a 14 de agosto, em cima da mesa estará também o resultado do debate e discussão com os trabalhadores, em diversas reuniões e plenários, refere a Fectrans

"Nesses plenários, sem deixar de levantar e fazerem propostas relativamente ás matérias em discussão, a opinião generalizada foi de considerar que o memorando de entendimento é uma boa base de negociação, com vista à tentativa da obtenção de um acordo final que melhore o actual CCTV e valorize os salários dos trabalhadores do sector", adianta a entidade sindical. 

Adianta ainda a Fectrans que está agendado para o próximo dia 10 de setembro, pelas 10h00, no Ministério das Infraestruturas, uma reunião que tem como tema o Contracto Coletivo do Sector, para a qual foram convocados a Fectrans, a ANTRAM e a Associação Nacional das Transportadoras Portuguesas (ANTP), "tendo em conta que esta última associação patronal transmitiu a sua vontade de participar no processo negocial".

De recordar que a Fectrans não aderiu à greve dos motoristas que decorreu em agosto, pela segunda vez este ano. Os motoristas representados pelo sindicato de matérias perigosas (SNMMP) tinham agendado uma nova paralisação, desta vez mais limitada, para este mês. 

Porém, um "acordo de princípio" entre as duas partes acabou com a greve poucas horas depois de ter começado. Em sintonia, o ministro das Infraestruturas sublinhou que "o tempo da greve terminou e começou o tempo do diálogo"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório