Meteorologia

  • 06 DEZEMBRO 2021
Tempo
12º
MIN 9º MÁX 17º

Edição

Membro da Fed diz que taxas de juro estão no nível certo

James Bullard, membro do comité de política monetária da Reserva Federal (Fed), considerou hoje que o banco central norte-americano já "fez muito" para apoiar o crescimento e disse que as taxas de juro estão no "intervalo certo".

Membro da Fed diz que taxas de juro estão no nível certo
Notícias ao Minuto

16:33 - 06/08/19 por Lusa

Economia EUA

Presidente da Fed de Saint Louis (Missouri), Bullard foi um dos primeiros membros do comité a defender uma descida das taxas de juro devido à inflação moderada e à tensão comercial.

Em entrevista à AFP, o responsável disse que a Fed não pode "de forma realista mudar a sua política monetária após cada ameaça de um lado ou de outro", no contexto do conflito comercial entre China e Estados Unidos.

Após a descida de um quarto de ponto percentual nas taxas de juro decidida no passado dia 31 de julho, a primeira em 11 anos, as taxas de juro ficaram agora entre 2% e 2,25%.

Mas, os mercados financeiros continuam à espera de novos cortes até ao fim do ano, numa altura em que a tensão comercial entre Estados Unidos e China sobe de tom, com a desvalorização da moeda chinesa e as acusações norte-americanas de manipulação do yuan.

"As ameaças vêm dos dois lados, algumas têm efeitos, outras não. Já temos em conta um nível elevado de incerteza", declarou, em alusão à forma como são tomadas as decisões.

Questionado sobre a independência do banco central, que tem sido constantemente pressionado pelo Presidente norte-americano Donald Trump, para baixar os juros, Bullard assegurou que a Fed "toma as decisões como sempre tomou".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório