Meteorologia

  • 18 SETEMBRO 2019
Tempo
21º
MIN 16º MÁX 27º

Edição

Casas em centros históricos deixam de pagar IMI

Até agora os moradores tinham de recorrer aos tribunais para não pagarem o imposto, mas a situação vai mudar.

Casas em centros históricos deixam de pagar IMI

Os imóveis que se localizam em centros históricos classificados pela UNESCO vão deixar de pagar Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI), colocando um ponto final a uma 'luta' dos moradores que durava há uma década.

A notícia é avançada, esta quarta-feria, pelo Jornal de Notícias e dá conta que entre as cidades abrangidas estão Guimarães, Porto, Óbidos, Sintra, Elvas, Évora e Angra do Heroísmo.

"[Estão isentos] os prédios inseridos em centros históricos, paisagens culturais e conjuntos classificados como monumentos nacionais, independentemente de inexistir classificação individualizada", pode ler-se na circular a que o JN teve acesso.

A informação está já a chegar às repartições de finanças locais e vem no seguimento de um acórdão do Supremo Tribunal Administrativo, que deu razão aos moradores. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório