Meteorologia

  • 23 AGOSTO 2019
Tempo
31º
MIN 27º MÁX 34º

Edição

Vendas da Renault caem penalizadas sobretudo pelos mercados emergentes

As vendas da Renault caíram no primeiro semestre, penalizadas sobretudo pelos mercados emergentes, em particular Turquia, Argentina e Irão, com os registos de matrículas em todo o mundo a retrocederem 6,7% face ao mesmo período de 2018.

Vendas da Renault caem penalizadas sobretudo pelos mercados emergentes
Notícias ao Minuto

11:44 - 16/07/19 por Lusa

Economia Renault

No total foram vendidas 1.938.579 unidades, segundo dados do fabricante automóvel francês hoje divulgados em comunicado.

Na Europa, a Renault conseguiu resistir à queda do mercado e manteve o volume de vendas registado na primeira metade do ano passado, com 1.070.641 veículos vendidos, apesar da queda do mercado doméstico de 2,5% com 379.454 unidades vendidas.

Os modelos comerciais tiveram um aumento expressivo, que contribuiu para mitigar os efeitos da quebra de vendas na Europa de 7,5%, o dobro do crescimento de 3,7% deste segmento.

Os principais pontos negros para o grupo francês foram a Turquia, com uma queda de 48,3% para os 36.709 veículos, Argentina, com uma queda de 50,2% para 36.897 automóveis, e o Irão, onde não registou nenhuma venda.

No Irão, a Renault deixou de vender automóveis em agosto de 2018 devido ao embargo nos EUA, quando na primeira metade do ano passado tinha matriculado 77.698 unidades.

A fabricante registou ainda uma descida severa na China (de 23,8% com 89.752 automóveis vendidos).

No Brasil, as vendas avançaram 20,2% com 112.821 veículos vendidos e a sua quota de mercado subiu até aos 9,1%.

Na Rússia, foram vendidas 238.617 unidades, uma ligeira baixa de 0,9%, ainda que tenha elevado a sua quota de mercado até aos 28,8%, mais 0,45 pontos percentuais do que no primeiro semestre de 2018.

No elétricos, a Renault vendeu mais de 30.600 veículos no primeiro semestre do ano, o que significou uma subida de 42,9% face ao mesmo período do ano passado, com praticamente a totalidade das vendas com destino na Europa.

Na Europa, a Renault comercializou 25.041 unidades do modelo Zoe (mais 44,4% do que no semestre anterior) e 4.653 do do modelo Kangoo ZE (com um crescimento de vendas de 30,7%).

No segundo semestre, a empresa tem programado o lançamento do seu modelo elétrico City K-ZE na China.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório