Meteorologia

  • 16 JULHO 2019
Tempo
22º
MIN 19º MÁX 25º

Edição

Wall Street fecha sem direção em semana de reunião entre Trump e Xi

A bolsa nova-iorquina encerrou hoje sem direção, no início de uma semana que vai ter o seu momento alto na reunião dos presidentes chinês e norte-americano, quando grassa uma guerra comercial entre a China e os EUA.

Wall Street fecha sem direção em semana de reunião entre Trump e Xi
Notícias ao Minuto

23:04 - 24/06/19 por Lusa

Economia Bolsas

Os resultados definitivos da sessão indicam que o índice seletivo Dow Jones Industrial Average avançou 0,03%, para os 26.727,54 pontos.

Ao contrário, o tecnológico Nasdaq perdeu 0,32%, para as 8.005,70 unidades, e o alargado S&P500 desvalorizou 0,17%, para as 2.945,35.

"Poucas notícias influenciaram o mercado. Estão todos à espera da reunião no G20" entre aqueles dois chefes de Estado, afirmou Bill Lynch, da Hinsdale Associates.

"Esperamos pouco, mas não uma escalada da tensão", acrescentou.

Os investidores parece que se estão a dotar de paciência com a aproximação da reunião entre Donald Trump e Xi Jinping, depois de por várias vezes nos últimos meses terem manifestado otimismo quanto a um acordo comercial iminente, o que acabou por não acontecer.

A prudência de hoje também ocorreu depois de uma semana de euforia nos mercados, graças ao tom acomodatício expressado pelos bancos centrais dos EUA e da União Europeia. No conjunto da semana passada, o Dow Jones apreciou-se 2,4%, o Nasdaq ganhou 3,0% e o S&P500 progrediu 2,2%.

Apesar de manter as suas taxas de juro, a Reserva Federal (Fed) assinalou, no final da sua reunião de quarta-feira, que não afastava a possibilidade de descer as taxas de referência, em particular se a inflação permanecesse em níveis baixos e se a guerra comercial com a China se agravar.

Esta retórica satisfez os investidores, mas não Trump, que atacou hoje severamente a instituição, em várias mensagens divulgadas na rede social Twitter. A Fed é uma "criança teimosa" que recusa descer as taxas de juro para estimular o crescimento e contrariar os concorrentes dos EUA, afirmou.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório