Meteorologia

  • 25 JUNHO 2019
Tempo
24º
MIN 23º MÁX 25º

Edição

Portugal volta aos mercados para colocar até 1.250 milhões em dívida

Em causa estão prazos a 10 e a 15 anos.

Portugal volta aos mercados para colocar até 1.250 milhões em dívida
Notícias ao Minuto

13:53 - 03/05/19 por Lusa

Economia Financiamento

Portugal anunciou hoje que regressa ao mercado na próxima quarta-feira para colocar entre 1.000 e 1.250 milhões de euros em Obrigações do Tesouro (OT) a 10 e a 15 anos.

Num comunicado, o IGCP, agência que gere a dívida pública, precisou que as maturidades das OT a serem leiloadas são em 15 de junho de 2029 (cerca de dez anos) e em 18 de abril de 2034 (cerca de 15 anos).

Em 10 de abril, Portugal colocou 1.000 milhões de euros, montante máximo anunciado, em OT a 10 e 18 anos, com juros a caírem de novo para mínimos de sempre no prazo mais curto.

Na altura, foram colocados 600 milhões de euros em OT com maturidade em 15 de junho de 2029 (cerca de 10 anos) à taxa de juro de 1,143%, um novo mínimo de sempre, abaixo da registada em 13 de março, 1,298%, anterior mínimo histórico.

A procura das OT a 10 anos cifrou-se em 1.367 milhões de euros, 2,28 vezes o montante colocado.

Em OT com maturidade em 15 de abril de 2037 (cerca de 18 anos) foram colocados 400 milhões de euros à taxa de juro de 1,896%, tendo a procura atingido 732 milhões de euros, 1,83 vezes o montante colocado.

Em relação ao anterior leilão de OT a 15 anos, este realizou-se em 13 de fevereiro deste ano, quando Portugal colocou 295 milhões de euros em OT com maturidade em 18 de abril de 2034 (cerca de 15 anos) à taxa de juro de 2,045%, abaixo da do anterior leilão comparável de 11 de julho de 2018 (2,257%).

A procura atingiu 675 milhões de euros, 2,29 vezes o montante colocado.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório