Meteorologia

  • 24 ABRIL 2019
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 14º

Edição

Fim dos "paraísos fiscais" pode melhorar relação dos cidadãos com UE

A economista Elisa Ferreira disse hoje que a UE tem de debater o tema das empresas que usam paraísos fiscais, considerando que o fim da otimização fiscal poderá reconciliar os cidadãos com a Europa.

Fim dos "paraísos fiscais" pode melhorar relação dos cidadãos com UE
Notícias ao Minuto

13:43 - 22/03/19 por Lusa

Economia Elisa Ferreira

"Há interesses nacionais e outros que tentam manter o 'status quo', mas temos de avançar para outra fase e que pode fazer com que os cidadãos retomem a sua relação afetiva com a Europa", afirmou Elisa Ferreira aos jornalistas à margem da conferência 'Para onde vai a Europa?', referindo que falava a título pessoal e não como vice-governadora do Banco de Portugal.

"É uma injustiça que a carga fiscal fique tão desequilibradamente em cima das pequenas e médias empresas e dos cidadãos", acrescentou.

Para a economista e ex-deputada do PS ao Parlamento Europeu, a Europa tem de "acelerar o assunto do combate ao branqueamento de capitais", que está "muito relacionado com a agenda de paraísos fiscais", uma vez que se todos pagassem os impostos devidos isso teria um impacto significativo nos orçamentos nacionais e num futuro reforçado orçamento europeu.

"A Europa tem de colocar em cima da mesa o que nos une, o que nos divide e os riscos que estamos a correr por estarmos a retardar esta agenda", concluiu.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório