Meteorologia

  • 23 MAIO 2019
Tempo
18º
MIN 17º MÁX 19º

Edição

Bolsa de Lisboa começa semana em queda

A bolsa de Lisboa seguia hoje em baixa, em linha com as congéneres europeias, com as ações da Galp a pressionarem as negociações.

Bolsa de Lisboa começa semana em queda
Notícias ao Minuto

08:14 - 11/03/19 por Lusa

Economia PSI20

Pelas 08:45, a bolsa de Lisboa seguia com o principal índice a recuar 0,12% para 5.174,90 pontos, com 10 ações positivas e oito negativas.

Do lado das perdas, a Ibersol e a Galp Energia eram as ações que mais se desvalorizavam, com descidas de 1,74% e 1,28 para 7,92 euros e 14,22 euros.

Do lado dos ganhos, as empresas que lideravam eram os CTT e a Mota Engil que subiam 1,45% e 0,47% para 2,81 euros e 2,13 euros, respetivamente.

A EDP seguia em alta de 0,40% para 3,24 euros, depois de no domingo à noite ter comunicado ao regulador que o Conselho de Administração Executivo da elétrica vai apresentar ao mercado na terça-feira um reforço do investimento em renováveis e um plano de alienação de ativos.

"Os órgãos sociais da EDP, Conselho de Administração Executivo (CAE) e Conselho Geral de Supervisão (CGS), reunirão no dia 11 de março para discutir e deliberar sobre o conteúdo do 'Strategic Update' para o período 2019-2022, a ser apresentado ao mercado no dia 12 de março, tal como anteriormente comunicado", lê-se no documento publicado na Comissão do Mercado de Valores Imobiliários (CMVM).

O comunicado da EDP surge depois de notícias publicadas pela agência Reuters e pelo jornal 'online' ECO com os títulos, respetivamente, "EDP prepara venda de ativos de produção elétrica em Portugal" e "EDP vai investir 7 mil milhões em renováveis", segundo cita a própria empresa no documento enviado à CMVM.

A EDP Renováveis seguia em ligeira baixa de 0,23% para 8,50 euros.

A Jerónimo Martins, por sua vez, subia 0,31% para 13,02 euros.

O BCP seguia também positivo, com as ações a valorizarem-se 0,26% para 0,23 euros.

Lisboa seguia alinhada com as principais congéneres europeias, com o sentimento dos investidores europeus a manter-se bastante sensível a todos os eventos ou notícias relacionadas com a economia da zona euro e, mais alargadamente, com a economia global, segundo o diário de bolsa do BPI.

Hoje antes da abertura, foi publicado que a produção industrial alemã relativa a janeiro sofreu uma diminuição de 0,80% face ao mês anterior. Os economistas antecipavam um incremento de 0,50%.

De acordo com o Ministério da Economia, esta flexão na produção industrial está relacionada com alguns fatores temporários na indústria automóvel.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório