Meteorologia

  • 22 ABRIL 2019
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 16º

Edição

Prejuízo da Raize agrava-se para 66,5 mil euros em 2018

A Raize, empresa tecnológica de serviços financeiros, registou 66.482 euros de prejuízo em 2018, que compara com as perdas de 30.148 euros totalizadas em 2017, foi hoje comunicado ao mercado.

Prejuízo da Raize agrava-se para 66,5 mil euros em 2018
Notícias ao Minuto

16:20 - 06/03/19 por Lusa

Economia CMVM

De acordo com a informação enviada à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), no período de referência, as receitas da empresa fixavam-se em 474.479 euros, mais 75% do que no ano anterior.

Por sua vez, o ativo líquido da Raize avançou 72% para 2.727.949 euros.

Já o resultado operacional da tecnológica, em 2018, foi negativo em 72.629 euros, enquanto no ano anterior foi negativo em 22.391 euros.

Em 31 de dezembro de 2018, os custos com pessoal fixaram-se em 249.449,07 euros, enquanto no mesmo período do ano anterior estava nos 189.724,20 euros.

"Em termos globais, o grupo apresentou resultados financeiros em linha com o previsto pela administração, tendo gerado resultados positivos quando excluindo custos operacionais não recorrentes. Estes resultados refletem a estratégia de longo prazo do grupo que consiste em promover de forma sustentável o alargamento da base de clientes da empresa", lê-se no documento.

Na sequência destes resultados, a administração da sociedade, liderada por José Maria dos Santos Rego, propõe à assembleia-geral que "sejam transferidos para resultados transitados os resultados líquidos em base individual do período, no valor de -- 36.971,21 euros, na expetativa que [os] resultados de exercícios futuros cubram o prejuízo do ano".

Em 2018, a tecnológica processou 39,6 milhões de euros em pagamentos, dos quais 11,4 milhões de euros referentes a crédito a empresas, e contou com o apoio de mais de 44,4 mil investidores de todo o país.

No total, os investidores da Raize já injetaram mais de 21,8 milhões de euros nas empresas portuguesas, tendo sido realizadas mais de 1.025 operações de financiamento.

Em julho de 2018, a empresa passou a estar cotada em bolsa, tendo definido, na altura, como objetivo, vender mais de 10% do capital social.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório