Meteorologia

  • 20 MARçO 2019
Tempo
19º
MIN 19º MÁX 20º

Edição

"A questão não é falta de dinheiro, é vontade em distribuir a riqueza"

No segundo dia de greve da Função Pública – primeiro com a adesão da CGTP – Arménio Carlos falou logo ao início da manhã com os jornalistas numa das muitas escolas afetadas pela paralisação dos funcionários públicos.

"A questão não é falta de dinheiro, é vontade em distribuir a riqueza"
Notícias ao Minuto

08:21 - 15/02/19 por Patrícia Martins Carvalho 

Economia Arménio Carlos

Para o líder da CGTP, o problema não está na falta de dinheiro do Estado. O problema está na forma como o Governo distribui essa riqueza, disse esta sexta-feira Arménio Carlos junto à Escola Básica Manuel da Maia, em Lisboa.

Em declarações aos jornalistas, o sindicalista começou por fazer o balanço da greve, garantindo que está a haver uma “grande adesão, tal como era expectável, por parte dos trabalhadores de todos os setores da atividade da Administração Pública” porque há um “descontentamento e indignação” por parte dos funcionários públicos.

Este sentimento, explicou Arménio Carlos, é potenciado pelo facto de o Governo dizer que “não tem disponibilidade financeira para corresponder às reivindicações de aumento dos salários para os trabalhadores que há 10 anos não têm qualquer atualização” mas, ao mesmo tempo, ter “sistematicamente disponibilidade sempre que a banca está com problemas”.

“A questão não é a falta de dinheiro. A questão é a falta de vontade de distribuir de forma justa o dinheiro”, afiançou, defendendo que “não pode haver uma entidade patronal como o Estado que não tenha em consideração a melhoria dos salários dos trabalhadores e a melhoria das suas condições de vida e de trabalho”.

Em jeito de remate, o sindicalista garantiu que a “ligeira desaceleração” da economia não é desculpa. Antes pelo contrário. Na sua ótica é a justificação para o aumento dos salários pois a “esmagadora maioria das empresas portuguesas trabalha para o mercado interno, logo, se se melhorar os salários as pessoas ficam com mais rendimentos, as empresas vão vender mais e a economia vai crescer de forma sustentada”.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório