Meteorologia

  • 14 OUTUBRO 2019
Tempo
16º
MIN 13º MÁX 19º

Edição

Já são conhecidas as tabelas de retenção na fonte. Saiba quanto vai pagar

Ministério das Finanças já publicou as tabelas de retenção na fonte de IRS, pelo que os contribuintes já podem calcular quanto vão descontar por mês.

Já são conhecidas as tabelas de retenção na fonte. Saiba quanto vai pagar

As tabelas de retenção na fonte para 2019 foram publicadas em Diário da República, esta sexta-feira, por isso, os contribuintes já podem consultar qual é a taxa que se aplica ao seu salário, através deste link. A tutela salienta que este ano mais pessoas ficam isentas da retenção de IRS: quem recebe até 654 euros. 

"Em comparação com 2018, em que a retenção se iniciava nos rendimentos mensais a partir de 632 euros, em 2019, por via da atualização do mínimo de existência, a retenção na fonte deixa de ser feita para rendimentos mensais até 654 euros", pode ler-se num comunicado divulgado esta sexta-feira pelo gabinete do Ministério das Finanças, após a publicação das tabelas. 

A retenção de IRS corresponde à parcela mensal que é descontada aos trabalhadores e que vai para a conta do Estado

Ainda assim, saliente-se, pode haver um desfasamento, uma vez que os valores estão dependentes de vários fatores, como por exemplo o agregado familiar. O acerto é feito depois, uma vez por ano, na atura da primavera, sendo que os contribuintes podem ter dinheiro a receber ou a pagar.

Estas tabelas têm efeitos retroativos a 1 de janeiro, pelo que os acertos às ordens de pagamento já efetuadas devem ser feitos pela entidade empregadora até ao final do mês de fevereiro, de acordo o despacho assinado pelo secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, António Mendonça Mendes. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório