Meteorologia

  • 16 DEZEMBRO 2018
Tempo
12º
MIN 12º MÁX 13º

Edição

Aeroporto de Lisboa com 2.ª maior subida de número de passageiros na UE

O aeroporto de Lisboa registou, no ano passado, a segunda maior subida do número de passageiros aéreos entre os 30 principais aeroportos da União Europeia, revelam dados hoje divulgados pelo Eurostat.

Aeroporto de Lisboa com 2.ª maior subida de número de passageiros na UE
Notícias ao Minuto

11:19 - 06/12/18 por Lusa

Economia Eurostat

De acordo com o comunicado do gabinete oficial de estatísticas da UE sobre transporte aéreo de passageiros, o aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, foi o 15.º de todo o espaço comunitário com mais tráfego, com 26,6 milhões de passageiros, uma subida de 18,8% face a 2016, o que constitui o segundo maior aumento, a par de Praga e apenas superado pelo aeroporto de Varsóvia (+23%).

A lista continua a ser encabeçada pelo aeroporto londrino de Heathrow (77,9 milhões de passageiros, com um aumento de 3,1% face a 2016), seguido do Charles de Gaulle, em Paris (69,4 milhões) e do aeroporto de Schiphol, em Amesterdão (68,4 milhões).

Em termos globais, no ano passado, mais de mil milhões de passageiros (1.043 milhões) viajaram de avião na UE, um número recorde e que representa um aumento de 7% face a 2016.

Em março passado, o Instituto Nacional de Estatística (INE) já divulgara o número de passageiros nos aeroportos portugueses em 2017, que ascendeu a 52,8 milhões, uma subida de 16,4% face ao ano anterior.

Depois de Lisboa, as maiores subidas do número de passageiros verificaram-se no Porto e em Faro - aeroportos que não constam da lista dos 30 com mais tráfego na UE -, com acréscimos de 15,1% e de 14,4%, para 10,8 e 8,7 milhões, respetivamente.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório