Meteorologia

  • 16 NOVEMBRO 2018
Tempo
11º
MIN 11º MÁX 12º

Edição

Portugal colocou mil milhões em dívida com juros mais negativos

Portugal colocou esta quarta-feira mil milhões de euros em Bilhetes do Tesouro (BT) a taxas de juro médias negativas, a descerem ligeiramente nos 11 meses e mais baixas nos três meses em relação aos anteriores leilões comparáveis, foi anunciado.

Portugal colocou mil milhões em dívida com juros mais negativos
Notícias ao Minuto

11:31 - 15/08/18 por Lusa

Economia Bilhetes do Tesouro

Segundo a página da Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP) na agência Bloomberg, a 11 meses foram colocados 750 milhões de euros em BT à taxa de juro média de -0,291%, ligeiramente inferior àquela registada em 20 de junho, quando foram colocados 950 milhões de euros à taxa de juro média de -0,290%.

A três meses foram colocados 250 milhões de euros em BT à taxa média de -0,432%, mais negativa que aquela verificada no anterior leilão comparável quando foram colocados 300 milhões de euros à taxa média de -0,399%.

A IGCP tinha anunciado a realização dos dois leilões das linhas de BT com maturidades em 16 de novembro e 19 de julho de 2019, com um montante indicativo global entre 750 milhões e 1.000 milhões de euros.

Esta emissão é comparável com os dois leilões de BT que ocorreram em junho, que também tinham maturidades a três e a 11 meses.

A procura no leilão de BT a 11 meses atingiu 1.885 milhões de euros, 2,51 vezes mais que o montante colocado, enquanto nos três meses a procura foi de 680 milhões de euros, 2,72 vezes superior ao valor colocado.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório