Meteorologia

  • 24 JUNHO 2018
Tempo
24º
MIN 22º MÁX 25º

Edição

Dívida pública aumentou em março para 126,4% do PIB

A dívida pública na ótica de Maastricht, a que conta para Bruxelas, atingiu em março 126,4% do Produto Interno Bruto (PIB), acima do valor de dezembro de 2017, segundo dados divulgados hoje pelo Banco de Portugal (BdP).

Dívida pública aumentou em março para 126,4% do PIB
Notícias ao Minuto

14:16 - 22/05/18 por Lusa

Economia BdP

Contudo, o valor da dívida das administrações públicas de março é menor do que o registado no mesmo mês de 2017, quando foi 130,1% do PIB.

Ainda de acordo com o Boletim Estatístico do Banco de Portugal, hoje conhecido, em termos absolutos a dívida pública atingiu os 245,9 mil milhões de euros em março.

Este valor fica abaixo do verificado em fevereiro (quando atingiu os 246,0 mil milhões de euros) e acima do valor do final de 2017 (242,6 mil milhões de euros).

Segundo o Programa de Estabilidade apresentado em abril, o Governo estima que a dívida pública desça para 122,2% este ano.

Já em março de 2017 a dívida pública em termos absolutos era menor (243,4 mil milhões de euros) do que a registada em março último.

Quanto à dívida na ótica de Maastricht líquida de ativos em depósitos das administrações públicas, esta era em março de 114,7% do PIB (abaixo tanto dos 115,4% de dezembro de 2017 como dos 118,3% de março de 2017), sendo o valor absoluto de 223,2 mil milhões de euros.

O máximo histórico do peso da dívida pública no PIB foi atingido em setembro de 2016, altura em que se situou nos 132,8%.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.