Meteorologia

  • 22 SETEMBRO 2018
Tempo
33º
MIN 30º MÁX 36º

Edição

Dona do Pingo Doce passa a contratar apenas energia renovável

A decisão da empresa tem como objetivo fazer frente às elevadas emissões de dióxido de carbono, mesmo que a mudança represente custos "significativamente mais elevados" para o grupo.

Dona do Pingo Doce passa a contratar apenas energia renovável
Notícias ao Minuto

08:47 - 22/05/18 por Notícias ao Minuto 

Economia Empresas

A Jerónimo Martins anunciou, na segunda-feira, que tomou a decisão de contratar energia apenas proveniente de fontes renováveis para fazer frente às necessidades das suas marcas em Portugal, entre as quais o Pingo Doce, o Recheio, a Hussel e a Jeronymo. 

“Esta decisão traduz o forte compromisso do Grupo com o crescimento sustentável, mesmo quando isso representa aceitar – como é o caso – custos significativamente mais elevados. As alterações climáticas e os fenómenos extremos e desastres naturais a elas associados constituem três dos cinco maiores riscos globais identificados pelo World Economic Forum em 2018. Não podemos ficar indiferentes a isto e há que passar das palavras aos actos", refere Pedro Soares dos Santos, Presidente e Administrador-Delegado do Grupo Jerónimo Martins, num comunicado

Na base desta iniciativa está, segundo o grupo, a "forte correlação entre o consumo de combustíveis fósseis e as alterações climáticas", refere o mesmo comunicado. Deste modo, a opção pela energia renovável "vai permitir acabar com as emissões de dióxido de carbono resultantes do consumo elétrico", antecipa a empresa. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório