Meteorologia

  • 20 JUNHO 2018
Tempo
26º
MIN 26º MÁX 26º

Edição

António Salvador denunciou por carta favores dos árbitros ao Sporting

De acordo com o presidente do Sp. Braga o que aconteceu no jogo entre o Belenenses e o Sporting no Restelo “foi mais uma machadada na verdade desportiva".

António Salvador denunciou por carta favores dos árbitros ao Sporting
Notícias ao Minuto

12:28 - 18/04/18 por Notícias Ao Minuto

Desporto Conselho Arbitragem

António Salvador enviou uma carta a Fontelas Gomes, presidente do Conselho de Arbitragem da FPF, a denunciar favores dos árbitros ao Sporting.

De acordo com o presidente do Sp. Braga o que aconteceu no jogo entre o Belenenses e o Sporting no Restelo “foi mais uma machadada na verdade desportiva e mais um retrocesso naquilo que pode e deve ser uma ferramenta de apoio, tendo-se verificado uma vez mais que o VAR só é importante se houver competência de quem o utiliza”, numa carta que o jornal Record teve acesso.

“Questionamos o Conselho de Arbitragem como é possível validar o 3.º golo do Sporting quando existe uma infração clara no início da jogada por mão deliberada de Ristovski?”, escreveu o presidente dos arsenalistas.

De acordo com António Salvador, a carta enviada a Fontelas Gomes “não resulta da pretensão de qualquer benefício, mas sim que se reforce o trabalho conjunto para que haja maior isenção, rigor e, acima de tudo, verdade desportiva”.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.