Meteorologia

  • 23 SETEMBRO 2018
Tempo
22º
MIN 22º MÁX 22º

Edição

Júlio Mendes diz que abandona SAD do Vitória caso perca eleições

O presidente do Vitória de Guimarães, Júlio Mendes, disse hoje que abandona o conselho de administração da SAD, cuja equipa de futebol disputa a I Liga, se perder as eleições às quais é candidato, em 24 de março.

Júlio Mendes diz que abandona SAD do Vitória caso perca eleições
Notícias ao Minuto

22:49 - 14/03/18 por Lusa

Desporto Vitória de Guimarães

O presidente do Vitória de Guimarães, Júlio Mendes, disse hoje que abandona o conselho de administração da SAD, cuja equipa de futebol disputa a I Liga, se perder as eleições às quais é candidato, em 24 de março.

À frente dos vitorianos desde 2012, o dirigente vai disputar a presidência do clube com Júlio Vieira de Castro, e, apesar do seu mandato à frente da SAD, criada em abril de 2013, se estender até ao próximo ano, assumiu que vai deixar o cargo em caso de derrota no ato eleitoral que se avizinha, apesar do "desfasamento" a nível legal entre os mandatos das duas entidades.

"Nós dissemos às pessoas que o Vitória são os sócios, que não precisavam de ter medo da SAD. Nunca nos passaria pela cabeça que uma candidatura derrotada numas eleições se queira manter ou continuar a integrar um Conselho de Administração. É contrário ao que sempre defendi", frisou, em entrevista à Rádio Fundação.

Aos microfones da rádio vimaranense, Júlio Mendes frisou ainda que o Vitória de Guimarães, atual 10.º classificado da I Liga, precisa de ter mais "influência" junto dos órgãos de poder e de mais dinheiro para ocupar mais permanência nos lugares cimeiros da I Liga.

O dirigente antecipou a subida do orçamento da SAD na próxima época, com a entrada em vigor do contrato televisivo assinado com a Altice, empresa detentora da Meo, mas, apesar da lista de Júlio Vieira de Castro já ter sugerido, durante a campanha, que o valor ronda os 70 milhões de euros, a 10 anos, Júlio Mendes recusou divulgar o mesmo.

"Temos o vínculo e a obrigação de respeitar os compromissos com os nossos parceiros. É por isso que hoje somos dos clubes mais respeitáveis no panorama português. Se o Vitória tem uma cláusula de confidencialidade, não pode quebrá-la. Pôr-se-ia a jeito para dar ao outro lado o argumento para quebrar o vínculo", defendeu.

O responsável alegou também que a situação financeira da SAD se encontra estável, considerando que, apesar do passivo total ter ascendido aos 12,9 milhões de euros no final da época 2016/17, apenas 3,3 milhões respeitavam a "dívidas correntes", sendo suportadas por um ativo corrente de 8,5 milhões.

Aposte 20€ sem risco como o Porto vai ganhar ao Setúbal por 3-0 e ganhe 144€

Múltipla do dia: Aposte 20€ sem risco como o Manchester Utd, Liverpool, Real Madrid e Bayern de Munique vão ganhar, e ganhe 63,6€

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório