Meteorologia

  • 21 NOVEMBRO 2017
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 15º

Edição

Mauricio Tévez, o precoce (e polémico) extremo que interessa ao Sporting

Dzhamal Akaev, agente do extremo do Newell's Old Boys, confirmou, ao Desporto ao Minuto, o interesse de uma equipa "portuguesa".

Mauricio Tévez, o precoce (e polémico) extremo que interessa ao Sporting
Notícias ao Minuto

09:06 - 15/11/17 por Carlos Pereira Fernandes

Desporto Mercado

Apontado, esta terça-feira, pela imprensa argentina, como estando na mira do Sporting, Mauricio Tévez, extremo de 21 anos do Newell’s Old Boys, é mesmo hipótese para o reforço da frente de ataque da equipa de Jorge Jesus.

O Desporto ao Minuto chegou à fala com Dzhamal Akaev, agente do jogador, que, sem referir o nome do clube de Alvalade, confirmou o interesse de um clube português.

“O Mauricio é um bom jogador. Posso dizer que interessa a várias boas equipas. Uma delas é portuguesa. Infelizmente, nada mais posso dizer”, comentou o empresário.

Estreia de sonho foi seguida de 'inferno'

Natural da cidade argentina de Rosario, Mauricio Tévez estreou-se pela equipa principal do Newell’s Old Boys em agosto de 2014, quando tinha apenas 17 anos… e que estreia foi.

Após lhe terem sido dados minutos na pré-temporada, foi lançado aos ‘lobos’, no escaldante encontro com o Boca Juniors e marcou, com um grande remate de fora da área, o golo que acabaria por dar a vitória à sua equipa.

Essa temporada foi, de resto, de plena afirmação para o extremo. Realizou um total de 33 jogos e adquiriu uma preponderância que transportou para o ano seguinte. No entanto, no final de 2016, fraturou o quinto metatarso do pé direito e teve de ser operado.

Acabou por falhar a pré-temporada e apenas regressou aos relvados em junho de 2017, diante do Godoy Cruz, na última jornada da edição 2016/17 do campeonato argentino. Na presente época, a sua utilização acabou por ficar aquém das expetativas e soma apenas 37 minutos, divididos ao longo de três jogos, o último dos quais no passado dia 6 de novembro, quando rendeu o compatriota Brian Sarmiento a sete minutos do apito final do encontro com o Patronato.

Um insólito caso presenciado por... Franco Cervi

A curta carreira de Mauricio Tévez fica, de resto, marcada por um insólito episódio que teve lugar em julho de 2016, no Clássico com o Rosario Central, onde, na altura, alinhava o agora benfiquista Franco Cervi.

O jogo referente aos quartos-de-final da Copa Santa Fé terminou empatado sem golos, pelo que foi necessário recorrer à marcação de grandes penalidades. O penálti decisivo ficou a cargo de Tévez, que o concretizou com êxito e festejou efusivamente na direção dos adeptos adversários… agarrando as partes baixas.

O Comité de Disciplina não perdoou e castigou o jogador, impedindo-o de disputar as meias-finais da competição. Mas o caso não ficou por aqui. O seu empresário à altura, Andrés Miranda, desistiu de o representar, por considerar “inapropriado” que não tenha reconhecido o seu erro nem pedido desculpas.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório