"Champions? Que Atlético, Juve ou Mónaco vençam. Se não, que a suspendam"

Dirigente do Barça critica arbitragem do Real Madrid-Bayern Munique.

© Getty Images
Desporto Toni Freixa

Toni Freixa, dirigente do Barcelona, deixou, esta sexta-feira, duras críticas à arbitragem do encontro entre Real Madrid e Bayern Munique, relativo à segunda mão dos quartos-de-final da Liga dos Campeões.

PUB

Falando ao jornal espanhol As, o responsável considerou que Viktor Kassai “foi mais decisivo” do que Deniz Aytekin, árbitro do Barcelona-Paris Saint-Germain: “Quando, numa falta de Casemiro a Robben, o árbitro levava a mão ao bolso… Que aconteceu? Deu-lhe uma picada no peito?”.

“Quero que o Atlético de Madrid ganhe a Liga dos Campeões. Se não, a Juventus. Se não, o Mónaco. E se não… que a suspendam”, atirou, antes de deixar uma curta análise quanto a El Clásico de domingo.

“Se o Real Madrid ganha, a Liga fica praticamente impossível, há que ser realista”, reconheceu.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser