"Tudo o que aconteceu nos túneis de Alvalade foram intenções"

O treinador do Arouca garantiu que houve um exagero em torno do caso do túnel.

© Global Imagens
Desporto Lito Vidigal

Na conferência de imprensa do jogo entre o Sporting e o Arouca (1-0), Lito Vidigal, 33 anos, comentou a polémica em volta dos dois clube, em causa estiveram os desacatos na zona balnear de Alvalade, entre Bruno de Carvalho e Carlos Pinheiro.

PUB

"Não me interessava nada falar de novo sobre questões que não são agradáveis para ninguém. Sabíamos que íamos ser bem recebidos, não podia ser de outra forma e isso mostra a grandeza dos clubes. Não tive dúvidas de que o Sporting fosse atuar assim", destacou

"Fez-se mais barulho do que realmente houve. Se perguntarem a Bruno de Carvalho e Carlos Pinho, de certeza que não estão contentes por terem vivido este momento. Às vezes exageramos mas é importante termos a capacidade de dar a outra face", sublinhou Lito Vidigal.

"Não devia ter acontecido, foi feio, mas depois foi tudo exagerado e extrapolado. Tudo o que aconteceu foram intenções, não houve concretizações... Continuar a falar disto desvaloriza o nosso futebol. É preciso toda a gente trabalhar no mesmo sentido porque há coisas maiores a acontecer", disparou.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS