Meteorologia

  • 23 ABRIL 2024
Tempo
24º
MIN 13º MÁX 24º

Lando Norris admite que a McLaren não progrediu tanto quanto gostaria

Declarações fortes do piloto britânico.

Lando Norris admite que a McLaren não progrediu tanto quanto gostaria
Notícias ao Minuto

08:57 - 29/02/24 por Notícias ao Minuto

Auto Fórmula 1

Lando Norris sente que a McLaren não fez tantos progressos antes da temporada de 2024 como ele e a equipa gostariam, com o britânico a admitir que a equipa pode potencialmente enfrentar algumas dificuldades na corrida de abertura deste fim-de-semana, no Bahrain.

Olhando para 2023, a equipa sediada em Woking teve um início de ano difícil, tendo entrado em pista no Bahrain com um carro que terminou no fundo do pelotão nas primeiras corridas. No entanto, foi fazendo progressos graduais, e chegou a provar ser a concorrente mais próxima da Red Bull em certos Grandes Prémios na segunda metade da época.

Norris reconheceu que os testes de pré-temporada de 2024 foram mais bem-sucedidos para a equipa, mas acha que o seu lugar exato na hierarquia ainda não é claro. Quando questionado sobre o ponto em que a equipa se encontra antes do Grande Prémio de Bahrain, Norris respondeu:

"Boa pergunta! É uma pergunta que acho que todos estão a fazer. Acho que temos uma ideia aproximada da nossa situação, mas não sabemos realmente em que posição estamos em comparação com algumas outras equipas. Penso que é claro [quem] são os dois primeiros. Depois há um grupo mais ou menos atrás, que é a Mercedes, a Aston [Martin] e nós. Mas em termos de como correu o teste de pré-época, foi muito melhor do que no ano passado e estamos numa posição muito melhor do que no ano passado, isso é o mais importante", afirmou, em declarações reproduzidas no site oficial da Formula 1.

No entanto, questionado sobre o motivo pelo qual parecia ter uma ligeira sensação de pessimismo antes do início da temporada, Norris admitiu que o progresso da McLaren durante o inverno não tinha sido tão forte quanto eles gostariam.

"É apenas uma resposta honesta sobre a nossa posição", disse o piloto de 24 anos antes da sua sexta época na F1. "Penso que até chegarmos a sexta-feira, [quando] chegarmos à qualificação, é complicado saber em que posição estamos em relação a algumas outras equipas", afirmou.

Leia Também: Max Verstappen parte como favorito à reconquista do título na Fórmula 1

Recomendados para si

;

Gosta de automóveis? Toda a informação num clique

Seja a Gasolina, diesel, elétricos, hidrogénio e dicas, acompanhe as mais recentes novidades sobre desporto motorizado

Obrigado por ter ativado as notificações de Auto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório