Meteorologia

  • 24 JULHO 2024
Tempo
21º
MIN 20º MÁX 37º

Notas do Sporting-FC Porto: Gyokeres tomou o Clássico de assalto

Avançado sueco marcou e assistiu, sendo, uma vez mais, decisivo. Leões vão passar Natal na liderança do campeonato.

Notas do Sporting-FC Porto: Gyokeres tomou o Clássico de assalto
Notícias ao Minuto

07:38 - 19/12/23 por Francisco Amaral Santos

Desporto Análise

O Sporting derrotou o FC Porto (2-0), na noite de segunda-feira, regressando ao topo da I Liga, onde vai passar o Natal. Os leões conseguiram, também, colocar um ponto final numa longa série de 13 jogos em que não conseguiram vencer o rival azul e branco em jogos do campeonato. 

Gyokeres e Pedro Gonçalves foram os marcadores de serviço numa noite de grandes emoções em Alvalade, marcada também, de forma inegável, pela expulsão de Pepe no arranque da segunda parte. 

Os leões seguem, assim, na liderança isolada, com mais um ponto do que o Benfica, três do Sporting e cinco do Sp. Braga. 

Vamos aos protagonistas da noite de ontem. 

A figura 

Viktor Gyokeres foi novamente decisivo, ora a marcar o primeiro golo, ora a assistir para o segundo, mostrando ser um perigo para qualquer adversário. Fez o que quis dos centrais do FC Porto e o lance do golo é bem evidente a forma como levou a melhor sobre um jogador com a experiência de Pepe. 

Para além disso, dá uma capacidade de ganhar metros na frente com as suas arrancadas a alta velocidade. Um poço de força. E de golos, claro está.

A surpresa 

Eduardo Quaresma entrou para o onze por conta da ausência de última hora de Coates e deu uma reposta... categórica. Esteve quase irrepreensível a defender e ainda ajudou no ataque, assinando uma assistência para o bis de Gyokeres que acabaria por ser anulado pelo VAR. 

No momento em que foi substituído recebeu uma estrondosa ovação por parte dos adeptos que entoaram, minutos depois, o seu nome. Uma noite para recordar. 

A desilusão 

Por seu turno, Pepe teve uma noite para esquecer em Alvalade. Perdeu o duelo com Gyokeres e ainda foi expulso num lance que nem parece digno de um jogador com toda a sua experiência. Já tinha um cartão amarelo e acertou com a mão n cara de um adversário, deixando o FC Porto com menos um jogador a partir dos 50 minutos e já em situação de desvantagem também no marcador. 

Os treinadores 

Rúben Amorim

Perdeu Coates no final do último treino, mas optou por dar uma oportunidade a Eduardo Quaresma por "não querer mexer muito na equipa". A verdade é que a falta do capitão mal se fez notar em campo e o Sporting assinou uma exibição competente e extremamente eficaz no capítulo defensivo. Na frente de ataque pode queixar-se de alguma falta de eficácia, algo que tem sido evidente nesta temporada dos leões. 

Sérgio Conceição

Viu a expulsão de Pepe ruir a estratégia delineada ao intervalo, para ir em busca do empate. Apostou tudo, mesmo depois de estar a perder por dois golos, mas o FC Porto não aproveitou os poucos lances que teve para transformar em golos e relançar a discussão pelo resultado. 

O árbitro 

Noite atribulada para Nuno Almeida e para o VAR Tiago Martins. Os dois golos anulados ao Sporting são os que saltam mais à vista porque são os... mais discutíveis. Em ambos os lances fica a sensação de excesso de zelo. Afinal de contas, o futebol é um desporto de contacto. 

Recomendados para si

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório