Meteorologia

  • 23 MAIO 2024
Tempo
17º
MIN 12º MÁX 24º

Sporting assina noite épica em Londres e segue em frente na Liga Europa

Empate no tempo regulamentar obrigou a decisão nas grandes penalidades, em noite de emoções fortes em terras de Sua Majestade. Golaço de Pote está a correr mundo.

Sporting assina noite épica em Londres e segue em frente na Liga Europa

Foi sofrer até ao fim, mas o Sporting garantiu, esta quinta-feira, uma vaga nos quartos de final da Liga Europa, ao eliminar o Arsenal no desempate por grandes penalidades em Londres. Após o empate no tempo regulamentar (1-1), ao qual se juntou o também empate em Alvalade (2-2), a partida teve que seguir para prolongamento, mas apenas na lotaria das grandes penalidades foi conhecido o vencedor de uma noite memorável. 

Gabriel Martinelli falhou o quarto penálti e Nuno Santos não perdoou no quinto, confirmando que o Sporting vai estar mesmo nos quartos de final da Liga Europa, num resultado que também assume uma importância preponderante no ranking de Portugal na UEFA. 

A noite no Emirates também ficou marcada pelo grande golo apontado por Pedro Gonçalves, que já está a correr mundo e que muitos apontam como candidato natural ao Prémio Puskas. 

Filme do jogo 

O Sporting entrou bem no Emirates e sem medo de ir para cima do Arsenal. Aos 13 minutos, Trincão foi protagonista do primeiro lance de grande perigo junto de uma das balizas, com o remate cruzado a passar muito perto do poste direito da baliza de Ramsdale. 

O conjunto inglês, por seu turno, estava mais contido, mas sempre que chegava ao último terço deixava a defesa do Sporting em sentido. Adán, aos 16 minutos, fez uma grande defesa, mas aos 19' não conseguiu mais do que atrasar o golo dos gunners. Ricardo Esgaio falhou um corte, Adán ainda negou o golo a Martinelli, mas Xhaka, na recarga, meteu a bola no fundo das redes e colocou o Arsenal na frente do marcador, e da eliminatória. 

Notícias ao Minuto Xhaka desfez o nulo aos 19 minutos. © Reuters  

O Arsenal ganhou confiança com golo, subiu no terreno e quase chegou ao segundo golo antes do intervalo, numa altura em que os defesas Tomiyasu e Saliba já haviam saído devido a lesão. Aos 30 minutos, Gabriel Jesus fez tudo bem, tirou vários defesas do caminho, mas Adán esticou-se todo e evitou a festa do avançado brasileiro. 

O Sporting respondeu com o aproximar do intervalo. St. Juste, aos 41 minutos, assinou uma arrancada pelo corredor central, mas o remate do central neerlandês passou por cima da trave. 

Antes do regresso aos balneários, novo lance de perigo dos leões, novamente através de uma iniciativa individual. Manuel Ugarte subiu até à grande área inglesa e arriscou o remate, perante a falta de linhas de passe, e apenas um desvio de Xhaka impediu que o empatasse ficasse restabelecido. 

Na segunda parte o Sporting entrou com vontade de fazer estragos e aos 62 registou-se o momento da noite em Londres. Pedro Gonçalves assinou o golo de uma vida, ao fazer uma 'chapelada' do tamanho do mundo a Ramsdale. Um tento que promete correr mundo e que restabeleceu a igualdade no marcador e na eliminatória. 

Passados dez minutos o Sporting teve uma oportunidade de ouro para dar a volta ao marcador. Ricardo Esgaio serviu, de bandeja, Edwards para o golo, mas o extremo inglês, isolado e na cara de Ramsdale, rematou à figura e permitiu a defesa. 

Os 90 minutos iam-se esgotando e os leões continuavam por cima da partida, deixando o Arsenal em sérios problemas e obrigando Arteta a lançar para dentro de campo 'pesos pesados' como Saka e Thomas Partey. O prolongamento acabaria mesmo por ser uma realidade, naquele que estava a ser o melhor período do Sporting em Londres. 

O Arsenal recuperou o nível após o tempo regulamentar e Trossard quase voltou a colocar os gunners em vantagem na partida, aos 95 minutos. Asneira de Essugo e o jogador belga ficou na cara de Adán, que defendeu e desviou a bola para... o poste. 

Notícias ao Minuto O lance de maior perigo da primeira parte do prolongamento. © Getty Images

O regresso do domínio inglês não trouxe, porém, frutos ao Arsenal e o empate mantinha-se ao fim dos primeiros 15 minutos suplementares.  

Na segunda parte do prolongamento manteve-se o Arsenal a comandar e a criar vários lances de perigo, mas Adán ia chegando para dar vazão a todas as encomendas. Os leões ainda ficaram reduzidos a dez unidades, devido à expulsão de Ugarte, por acumulação de amarelos, mas agarram-se com unhas e dentes ao empate e confirmaram as... grandes penalidades. 

Na lotaria dos penáltis (ou na prova de eficácia) foram os leões os mais felizes: Gabriel Martinelli permitiu a defesa de Adán na quarta volta e Nuno Santos acabou com o sofrimento e qualificou os leões com o quinto penálti. 

Momento do jogo: O golo de Pote é um autêntico monumento. Do meio-campo bateu Ramsdale e até os adeptos do Arsenal ficaram de boca aberta. 

Equipas iniciais 

ONZE DO ARSENAL: Ramsdale; Zinchenko, Saliba, Gabriel, Tomiyasu; Jorginho, Xhaka, Fábio Vieira; Nelson, Martinelli e Gabriel Jesus.  

ONZE DO SPORTING: Adán; Diomande, Inácio, St. Juste; Esgaio, Ugarte, Pedro Gonçales, Matheus Reis; Trincão, Edwards e Paulinho. 

Antevisão 

O Sporting visita, na noite desta quinta-feira, o Arsenal em jogo da 2.ª mão dos oitavos de final da Liga Europa. Os leões tentam fintar a história, uma vez que nunca ganharam aos gunners, depois do empate (2-2) verificado, precisamente há uma semana, em Alvalade (2-2).

Em Lisboa, recorde-se, os comandados de Amorim ainda conseguiram virar o resultado, por Gonçalo Inácio (34 minutos) e Paulinho (55'), em resposta ao golo inaugural de Saliba (22'), mas Morita marcou na própria baliza e restabeleceu, de forma involuntária, a igualdade (62').

Ainda assim, refira-se, os golos foram já não constituem qualquer tipo de vantagem extra, pelo que está tudo em aberto para o duelo desta noite no Emirates Stadium. 

Para este duelo, refira-se, o Sporting tem três baixas de peso. Sebastián Coates e Morita cumprem castigo, por conta de terem antigido o limite de amarelos em Alvalade, ao passo que Héctor Bellerín continua a contas com uma lesão que o impede, de resto, de voltar a uma casa que tão bem conhece. 

O encontro entre gunners e leões está agendado para as 20h00 e terá arbitragem do espanhol Mateu Lahoz. Siga, em direto, todas as incidências desta partida no Desporto ao Minuto

Leia Também: Pedro Porro reencontrou-se com o plantel do Sporting em Londres

Recomendados para si

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório