Meteorologia

  • 12 JULHO 2024
Tempo
25º
MIN 16º MÁX 27º

Contratos estranhamente longos dos reforços do Chelsea levam UEFA a agir

Organismo que rege o futebol europeu passará a proibir vínculos superiores a cinco anos.

Contratos estranhamente longos dos reforços do Chelsea levam UEFA a agir
Notícias ao Minuto

12:20 - 24/01/23 por Notícias ao Minuto

Desporto Mercado de Transferências

Os contratos estranhamente longos oferecidos pelo Chelsea aos últimos reforços de inverno já garantidos levantaram suspeitas junto da UEFA, que promete agir com celeridade para garantir que episódios como estes não se irão repetir.

De acordo com o jornal britânico The Times, o organismo que rege o futebol europeu 'desconfia' que este tipo de vínculos não passem de uma estratégia para prolongar a amortização dos investimentos, contornando, assim, os regulamentos do fair-play financeiro.

Nesse sentido, acrescenta a mesma publicação, a direção liderada por Aleksander Ceferin irá anunciar, dentro em breve, uma nova regra que impedirá os clubes de 'amarrarem' os respetivos jogadores por um período superior a cinco anos.

Na base destas suspeitas estão os contratos oferecidos, no presente mês de janeiro, pelos blues a jogadores como Mykhaylo Mudryk (de oito anos e meio), Benoit Badiashile (de sete anos e meio) ou David Datro Fofana (de seis anos e meio).

Leia Também: Chelsea não desiste de Enzo Fernández e enfrenta concorrência de peso

Recomendados para si

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório