Meteorologia

  • 28 NOVEMBRO 2022
Tempo
12º
MIN 9º MÁX 17º

CD da FPF abre processo a Miguel Afonso após acusações de assédio

Treinador é acusado de ter trocado várias mensagens íntimas com as atletas.

CD da FPF abre processo a Miguel Afonso após acusações de assédio

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) vai abrir um processo disciplinar ao treinador Miguel Afonso, após várias jogadoras da equipa de futebol feminino do Rio Ave terem acusado o antigo treinador de as ter assediado com mensagens íntimas, apurou o Desporto ao Minuto.

De acordo com a informação avançada esta quinta-feira pelo jornal Público, o técnico terá trocado mensagens íntimas com várias jovens entre os 18 e os 20 anos do plantel feminino do Rio Ave, uma situação negada pelo técnico, que acabou por sair do clube e está agora a treinar o Famalicão.

Desde 01 de julho último, quando entrou em vigor a última atualização, o Regulamento de Disciplina da FPF prevê punir casos de assédio sexual, nos artigos 126.º-B e 150.º-A, por parte de dirigentes e jogadores, respetivamente.

Nos casos de "importunar agente desportivo adotando comportamento indesejado de caráter sexual, sob a forma verbal, não-verbal ou física, é punido com suspensão de três meses a um ano", sem que esteja prevista qualquer multa.

Leia Também: Jogadoras do Rio Ave acusam atual técnico do Famalicão de assédio sexual

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório