Meteorologia

  • 01 OUTUBRO 2022
Tempo
14º
MIN 12º MÁX 27º

15 jogadoras renunciam à seleção espanhola. RFEF segura técnico

Grupo alega que diferendo com o selecionador Jorge Vilda afetava a sua "saúde e estado emocional". Organismo federativo diz que jogadoras "só voltam se pedirem perdão".

15 jogadoras renunciam à seleção espanhola. RFEF segura técnico
Notícias ao Minuto

00:04 - 23/09/22 por Notícias ao Minuto

Desporto Espanha

Estalou a polémica na seleção feminina espanhola de futebol. Um grupo de 15 jogadoras enviou uma carta por e-mail à Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) na qual renunciam a jogar pela La Roja.

Na carta, o grupo exige o despedimento do selecionador Jorge Vilda, com contrato até 2024, por entender que o diferendo que mantêm com o técnico afeta a sua "saúde e estado emocional".

Tudo começou no final do mês de agosto. Na altura, o El Confidencial revelou que as três capitãs do Barcelona, entre as quais Alexia Putellas, pediam a demissão do técnico por causa dos maus desempenhos da seleção feminina de Espanha.

Depois de Luis Rubiales, presidente da RFEF, ter rejeitado o pedido para a destituição de Jorge Vilda, as jogadoras avançaram com esta carta de renúncia, a qual não é, de acordo com a imprensa espanhola, assinada por nenhuma das três atletas que pediram inicialmente a demissão do técnico.

O organismo federativo espanhol já reagiu a esta situação, onde garante que não vai ceder à pressão das jogadoras. e que esta tomada de posição por parte deste grupo de 15 jogadoras é um ato grave.

"A RFEF não vai permitir que as jogadoras questionem a continuidade do selecionador nacional e da sua comissão técnica, uma vez que tomar essas decisões não é da sua competência. A Federação não admitirá nenhum tipo de pressão de nenhuma jogadora na adoção de medidas desportivas. Esse tipos de manobras estão longe de ser exemplares e são prejudiciais", pode ler-se na nota da Real Federação Espanhola de Futebol.

"A seleção precisa de jogadoras comprometidas com o projeto, defendendo as nossas cores e orgulhosas de vestir a camisola da Espanha. As jogadoras que renunciarem só voltarão à convocatória da seleção no futuro se reconhecerem o seu erro e pedirem perdão", termina o comunicado.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório