Meteorologia

  • 18 AGOSTO 2022
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 32º

"Não quero focar-me na pressão. Quero é deixar os benfiquistas felizes"

O novo treinador dos encarnados falou pela primeira vez aos jornalistas desde que assinou contrato com as águias.

"Não quero focar-me na pressão. Quero é deixar os benfiquistas felizes"
Notícias ao Minuto

14:51 - 27/06/22 por Notícias ao Minuto

Desporto Roger Schmidt

Roger Schmidt falou pela primeira vez aos jornalistas, esta segunda-feira, desde que assinou contrato com o Benfica.

Recordar que o técnico das águias assinou um contrato válido para as próximas duas temporadas, isto após deixar o comando do PSV Eindhoven, clube que orientou nas últimas duas épocas.

Confira abaixo as declarações do técnico alemão:

Quando chegou disse que se ama futebol, ama o Benfica. Quer explicar melhor? O que quis dizer é que todos amamos futebol e há alguns clubes na história com uma grande tradição de grandes jogadores e troféus. Eu sou da Alemanha, mas para mim o Benfica é um desses clubes.

Ricardo Horta, uma prioridade para o Benfica? Acho que é um jogador muito bom. Não tenho a certeza se vamos conseguir contratá-lo, mas acho que poderia ser uma grande melhoria para a equipa. Veremos o que vai acontecer nas próximas semanas.

Já existem jogadores que sabe que têm de ser dispensados? Contamos, desde já, com todos os jogadores e ainda vamos ter de os analisar. Preciso de mais tempo, ainda mais para analisar os jogadores mais jovens. Estou muito entusiasmado, até porque falamos de um grupo com enorme potencial. Estou convencido que tenho jogadores para atuar no sistema que desejo.

Enzo Fernández? Estou muito contente por ele se ter juntado ao Benfica. Falamos de um jogador jovem e com muito talento. É, obviamente, um grande reforço para as águias.

Falou com Mario Gotze? Ele é um bom jogador e teria sido um bom reforço para o Benfica, mas a decisão do jogador passava por regressar à Alemanha e temos de respeitar essa decisão.

O que acha do FC Porto, Sporting e da arbitragem portuguesa? Estou entusiasmado por conhecer os árbitros. É uma posição especial no futebol. Ouvi algo sobre isso, mas vou esperar para criar a minha opinião. Quanto ao FC Porto, foram quem fez mais pontos na época passada e mereceram ser campeões. O Sporting foi 2º, mas isso é passado. Temos que olhar para o futuro, trabalhar duro.

Benfica parte atrás de Sporting e FC Porto?  Para mim o ano passado é passado. Foram melhores, mas agora é um novo desafio. Queremos melhorar o nosso desempenho, ser mais estáveis e ter mais pontos. Estamos focado em preparar-nos para a época e queremos um desfecho diferente.

Sente maior pressão por ser campeão? Mesmo por não termos sido campeões nos últimos anos é que há essa pressão. As pessoas responsáveis pelo Benfica, como o nosso presidente e o nosso diretor desportivo, acreditam que sou a pessoa certa para ser campeão e quero mostrar que fizeram a escolha certa. Esta é a pressão de assinar por um clube de topo, em qualquer liga. Não quero focar-me na pressão, mas sim na motivação de deixar os benfiquistas felizes. Não sinto a pressão.

Que papel pode ter o Javi García nesta equipa?  Trouxe alguns adjuntos comigo, mas acho que é muito importante ter alguém que nos ligue e ajude a trabalhar. O Javi García foi uma sugestão do clube, foi um grande jogador, mas acima de tudo é uma grande pessoa. Está muito motivado para começar a sua carreira como treinador. A minha primeira impressão foi top. Ele vai ser importante pelo conhecimento no futebol português e pelos pormenores que nos pode dar, como o que é importante na Liga.

Weigl encaixa nas ideias de Schmidt? Falamos de um grande jogador, de um jogador top, que já conheço do período em que estava na Bundesliga. Falamos de alguém muito experiente, um bom jogador, uma boa pessoa, e alguém com quem estou a contar trabalhar.

Quase 30 jogadores neste momento. Com quantos deseja ficar? Não é uma situação urgente, para já. Eu agora quero ter a oportunidade de trabalhar com todos, é para isso que a pré-época serve. Ver o que cada um pode fazer e depois tomar as decisões. É normal nas pré-temporadas os plantéis serem mais extensos, agora, posteriormente, 25 jogadores será um bom número no plantel para começar a trabalhar.

Leia Também: "Saída de Enzo Fernández para o Benfica? É uma perda importante"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório