Meteorologia

  • 12 JULHO 2024
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 27º

Portugal encaixa primeira derrota na Silver League diante da Suécia

A seleção portuguesa feminina de voleibol sofreu quarta-feira a primeira derrota nos seis jogos disputados na Silver League europeia (ESL), perdendo com a Suécia por 3-2, um resultado que travou o apuramento imediato para a fase final da prova.

Portugal encaixa primeira derrota na Silver League diante da Suécia
Notícias ao Minuto

07:14 - 16/06/22 por Lusa

Desporto Voleibol feminino

Numa partida recheada de emoção, e decidida apenas na 'negra', com os parciais 13-25, 25-21, 24-26, 32-30 e 19-21, as portuguesas, que até tiveram uma entrada menos conseguida, lograram 'correr atrás do prejuízo', quebrando por duas vezes a vantagem das suecas, mas sucumbindo, por detalhes, na decisão final.

Com este resultado, Portugal perdeu o primeiro lugar da classificação para a Suécia, embora sigam ambos com os mesmos pontos (14), fruto das cinco vitórias e uma derrota, sendo os dois favoritos a passar à fase final, quando ainda faltam dois jogos por disputar.

Apesar de ter derrotado (3-2) este mesmo adversário no jogo fora, a equipa nacional teve uma entrada no desafio para esquecer, permitindo que as escandinavas 'disparassem' e meio do 'set' e fizessem nove pontos consecutivos, aproveitando vários erros defensivos das lusas, impondo uma vantagem confortável que geriram até chegar a um esclarecedor 25-13.

Esta entrada em falso no jogo ainda se repercutiu no arranque do segundo parcial, com as portuguesas a sentirem algumas fragilidades na defesa e a não serem tão contundentes a aproveitar o serviço e o remate.

No entanto, equipa nacional foi aprendendo com essas adversidades, e 'carregada' por um intenso público em Santo Tirso, forçou um empate em 17-17 que lhe deu ânimo para cavar uma vantagem significativa, embalada por finalizações astutas de Kátia Oliveira, que ajudaram a impor um triunfo por 25-21.

O empate nos parciais acabou por transpor um equilíbrio para o terceiro 'set', com ambas as equipas a mostrarem-se mais cautelosas, tentando explorar o erro contrário, mas sem se exporem em demasia, fazendo com que marcha do marcador andasse sempre próxima.

A toada de parada e resposta durou até às suecas mostrarem ligeira superioridade na finalização, ganhando uma folga de três pontos, que Portugal ainda teve forças para reequilibrar, mas acabou por ceder já na ponta final, com um par de erros que precipitaram o 24-26.

Sem margem para mais deslizes, as portuguesas entraram com garra para o quarto parcial, e mesmo perante um adversário assertivo nos remates, sentiram-se confortáveis na reação, acabando por vencer o longo e emotivo 'set' por 32-30 e lançando todas as decisões para a 'negra'.

Aí, o equilíbrio voltou a reinar, com as duas equipas a nunca cederem no marcador, esboçando ataques e contra-ataques em busca do triunfo final, com Portugal a dispor de várias oportunidades para fechar o parcial, mas a claudicar em dois detalhes defensivos que entregaram o triunfo no 'set' (19-21) e no jogo (3-2) à equipa do norte da Europa. 

O conjunto luso tem ainda mais dois jogos por disputar, ambos fora, na Eslovénia, este sábado, e na Estónia, no dia 26 de junho, para selar o apuramento para a fase final.

Os dois primeiros classificados apuram-se para a final agendada para 02 de julho, em local a designar, garantindo a seleção vencedora a promoção à Golden League de 2023, o escalão maior das ligas europeias de seleções, e um prémio de 35 mil euros.

Recomendados para si

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório