Meteorologia

  • 28 FEVEREIRO 2024
Tempo
14º
MIN 9º MÁX 16º

Sp. Covilhã agudiza aflição do Varzim e acelera meta da permanência

O Sporting da Covilhã deu hoje um passo importante rumo à permanência na II Liga de futebol, ao vencer 2-0 na visita ao Varzim, em partida da 32.ª e antepenúltima jornada, 'afundando' os 'alvinegros' na classificação.

Sp. Covilhã agudiza aflição do Varzim e acelera meta da permanência
Notícias ao Minuto

22:40 - 30/04/22 por Lusa

Desporto II Liga

Na Póvoa de Varzim, o cabo-verdiano Kukula, aos 55 minutos, e o colombiano Camilo Triana, aos 90+4, marcaram os golos dos serranos, que já não venciam fora desde a primeira ronda e subiram à 15.ª posição, a última de 'salvação' direta, com 33 pontos.

O Sporting da Covilhã garantiu ainda vantagem no confronto direto com o Varzim, que continua 'afundado' na zona de descida e é 17.º e penúltimo, com 29 pontos, podendo terminar esta jornada a quatro do 16.º lugar, de acesso ao 'play-off' de manutenção.

Em busca do quarto triunfo consecutivo em casa, os poveiros entraram com acutilância ofensiva e rondaram a área serrana logo ao quarto minuto, com Tomás Silva a vacilar no duelo com o 'guardião' Léo Navacchio, que ainda viu Helitão negar a recarga de Agdon.

O Varzim desenhou lance idêntico aos 17 minutos, quando André Leão atirou para nova intervenção de Navacchio e André Almeida evitou em cima da linha de golo a insistência de Cássio, numa primeira etapa de sentido único e repleta de ineficácia dos 'alvinegros'.

Outro sinal dessa tendência deu-se aos 33 minutos, num cruzamento de João Reis para um cabeceamento de Murilo à barra da baliza do Sporting da Covilhã, sem desfazer a resistência de um adversário remetido à defesa e à espreita de capitalizar erros alheios.

Essa estratégia dos 'leões da serra' arrastou-se no reatamento e rendeu dividendos aos 55 minutos, com Jean Felipe a beneficiar de uma perda de bola de Zé Tiago para lançar Kukula, que abrilhantou com frieza a primeira subida perigosa à área de Ricardo Nunes.

O conjunto de Pedro Miguel acusou o golpe e passou a investir num futebol direto, que Léo Navacchio controlou sem sobressaltos, abrindo alas ao contra-ataque da equipa de Leonel Pontes, que viu os suplentes Arnold e Camilo Triana construírem o 2-0 final, aos 90+4, logo antes de João Reis deixar os varzinistas em inferioridade numérica.

Recomendados para si

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório