Meteorologia

  • 25 JUNHO 2022
Tempo
23º
MIN 15º MÁX 23º

"Queremos somar os três pontos diante do FC Porto"

O treinador Petit mostrou-se hoje confiante nas capacidades do Boavista para alcançar o sétimo jogo consecutivo sem perder na I Liga de futebol diante do líder isolado FC Porto, no domingo, no dérbi portuense da 27.ª jornada.

"Queremos somar os três pontos diante do FC Porto"
Notícias ao Minuto

14:16 - 19/03/22 por Lusa

Desporto Petit

"Esperamos um jogo de grande intensidade, entre duas equipas com ambição de ganhar, sabendo que os pormenores poderão resolver. Acredito muito que vamos dar uma boa resposta. Queremos somar esses três pontos que nos fazem falta para subir na tabela, respeitando sempre um FC Porto forte", apontou o técnico, em conferência de imprensa.

Com sete pontos de avanço sobre a zona de descida direta, os 'axadrezados' venceram só um dos últimos 11 jogos (3-2 ante o Estoril Praia), mas também sofreram uma derrota (1-2 com o Santa Clara), destacando-se como os 'reis' das igualdades na prova, com 15.

"Temos mostrado respeito desde a minha chegada ao Bessa. Somos uma equipa intensa e com bastante ambição. Estamos a atravessar um bom momento e, em quase 20 jogos para todas as competições, só temos duas derrotas. Também temos sido fortes em casa, onde ainda não temos nenhum resultado negativo [dois triunfos e seis empates]", notou.

O 'nulo' diante do lanterna-vermelha Belenenses SAD (0-0) impediu o Boavista de igualar o recorde de 14 jogos seguidos a marcar em todas as provas, estabelecido em 1997/98, sob orientação de Jaime Pacheco, motivando críticas de Petit ao desempenho coletivo.

"Há que mudar um pouco o 'chip' face ao último jogo. Corrigimos, analisamos aquilo que temos de melhorar e esperamos dar uma boa resposta. Vendo o que o FC Porto está a fazer a nível interno, é uma equipa com muita qualidade, que faz sempre bons resultados e marca em todos os jogos. Também estamos nessa onda de fazer golos", observou.

Os 'dragões' venceram as últimas sete visitas ao Estádio do Bessa para a I Liga, com um total de 18 golos marcados e nenhum sofrido, embora surjam na 'ressaca' da eliminação dos oitavos de final da Liga Europa ante os franceses do Lyon (0-1 em casa e 1-1 fora).

"O FC Porto está a atravessar um excelente momento, não perde há 54 jogos para o campeonato e tem um coletivo muito forte, com jogadores que podem desequilibrar. É normal que nesta altura, a jogar de três em três dias, tenha gerido alguns atletas, já que tem um plantel que dá para equilibrar nessas competições. [A gestão em Lyon] É sinal de respeito pelo Boavista, mas esperamos um FC Porto diferente do último jogo", advertiu.

O francês Yanis Hamache, que saiu lesionado durante o duelo no terreno do Belenenses SAD e enfrenta cerca de um mês de paragem, juntou-se a Miguel Reisinho no lote de indisponíveis para Petit, ciente da emotividade que o dérbi da Invicta desperta na cidade.

"Todos os jogos são especiais. Cresci na cidade do Porto e no Boavista e estes desafios acabam por ter um sabor especial pela envolvência dos adeptos. Acho que temos todos os ingredientes para fazer um grande jogo. Queremos dar continuidade aos resultados positivos e seguir sem perder em casa. É com essa ambição que vamos jogar", concluiu.

O Boavista, 13.º colocado, com 27 pontos, recebe o FC Porto, líder isolado, com 70, no domingo, às 20:45, no Estádio do Bessa, no Porto, no jogo de conclusão da 27.ª jornada da I Liga, com arbitragem de Artur Soares Dias, da associação do Porto.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório