Meteorologia

  • 22 JANEIRO 2022
Tempo
MIN 5º MÁX 14º

Edição

Vítor Murta concorre sem oposição às eleições do Boavista

O atual presidente Vítor Murta vai concorrer sem oposição às eleições dos corpos sociais do Boavista para o triénio 2022-2024, ainda em data a designar, anunciou hoje o líder da assembleia-geral do clube da I Liga de futebol.

Vítor Murta concorre sem oposição às eleições do Boavista
Notícias ao Minuto

23:01 - 07/12/21 por Lusa

Desporto Boavista

Vítor Murta, Manuel Tavares Rijo e Joaquim Carvalho irão continuar a encabeçar a direção, a mesa da assembleia-geral e o conselho fiscal, respetivamente, integrando a única lista candidata ao sufrágio que deu entrada na secretaria do clube até domingo.

"Nos termos do artigo 106.º dos estatutos do clube, é permitida a reeleição de qualquer membro sem limite de mandatos. Foi verificada a total conformidade da lista única, pelo que se procederá em seguida aos restantes requisitos estatutários, designadamente a convocação do conselho geral e da assembleia-geral eletiva", explica o órgão de Manuel Tavares Rijo, em comunicado publicado no sítio oficial dos 'axadrezados' na Internet.

Em 26 de outubro, Vítor Murta assumiu que se ia recandidatar a um segundo mandato consecutivo na presidência do Boavista, que ocupa o 11.º lugar da I Liga, com 12 pontos, em 13 jornadas, considerando "importante que haja sinergia entre a SAD e o clube".

O advogado foi eleito sem oposição em dezembro de 2018 nas eleições para o triénio 2019-2021, ao reunir 75,7% das preferências, que corresponderam a 334 votos de associados, 54 brancos e 53 nulos, sucedendo ao histórico ex-presidente João Loureiro.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório