Meteorologia

  • 25 SETEMBRO 2021
Tempo
16º
MIN 16º MÁX 23º

Edição

Final dramático em Kiev. Benfica sofre e sai da Ucrânia com empate

Nulo entre águias e Dínamo manteve-se durante o encontro na estreia de ambas as equipas nesta edição da Liga dos Campeões.

Final dramático em Kiev. Benfica sofre e sai da Ucrânia com empate

Foi preciso sofrer a bom sofrer. Apesar de ter dominado grande parte da partida em Kiev, o Benfica saiu da Ucrânia com um empate (0-0), mas bem podia ter saído sem qualquer ponto na estreia nesta edição da Liga dos Campeões.

Após um final de jogo impróprio para cardíacos, ao Benfica valeu Odysseas Vlachodimos e o VAR.

Nas contas do grupo E, o Benfica é segundo classificado com um ponto, atrás do Bayern Munique que soma três, depois de nesta terça-feira ter vencido o Barcelona por 3-0. 

Resumo

Uma equipa sólida e a querer mandar no jogo. Foi assim que o Benfica entrou no Olímpico de Kiev, obrigando o Dínamo a mudar o seu ADN. A formação orientada por Jorge Jesus começou acutilante e com maior apetência para explorar o ataque interior, mas há medida que o jogo foi-se desenrolando, as águias foram descaindo para as alas.

Rafa, Everton ou Yaremchuk até podiam ter marcado no primeiro tempo, mas a melhor ocasião até pertenceu ao Dínamo, que sem muito fazer conquistou um livre à entrada da área encarnada. Shaparenko obrigou Odysseas à defesa da noite. Ainda assim, o domínio nos primeiros 45 minutos foi quase exclusivo do Benfica. A equipa portuguesa estava paciente com bola e no momento de a recuperar esteve quase irrepreensível. Sempre com uma pressão alta, os encarnados fecharam muito bem os caminhos da baliza aos ucranianos.

No segundo tempo, tudo se alterou. O Benfica não entrou mal, mas acabou a sofrer… e de que maneira. Aos 60 minutos, Jorge Jesus lançou Lazaro, Darwin e Radonjic e o jogo das águias decresceu. Poucas foram as situações que a partir daí o Benfica conseguiu produzir e após o final do jogo, muito tem a agradecer a Odysseas.

Nos últimos minutos, depois de uma bola à trave, o grego fez uma enorme defesa, negando o golo à equipa de Kiev. Logo no lance seguinte, Odysseas voltou a fazer o que bem sabe e segurou um ponto importante para a turma encarnada. Ponto esse que esteve perto de fugir, até porque o guarda-redes internacional grego não pode fazer tudo. Aos 90+4 minutos, Shaparenko introduziu mesmo a bola dentro da baliza do Benfica e Olímpico de Kiev festejou de forma efusiva. No entanto, Anthony Taylor recorreu ao VAR e anulou o tento dos ucranianos, por fora de jogo

Acompanhamento

90+4'- FINAL DO JOGO! Dínamo Kiev e Benfica empatam a zeros na 1.ª jornada do Grupo E da Liga dos Campeões.

90+3'- GOLO ANULADO AO DÍNAMO! Shaparenko marcou, mas Anthony Taylor, depois de recorrer ao VAR assinalou fora de jogo.

90+2'- Novamente Odysseas!! Nova excelente defesa do guardião do Benfica.

90+1'- QUASE O GOLO DO DÍNAMO!  Bola à trave e depois Odysseas salva o Benfica! Que defesa e que reação do guarda-redes das águias!

89'- Verbic entra muito duro sobre Rafa e o atacante das águias é substituído por Pizzi. Más notícias para Jorge Jesus.

82'-  Garmash vê o cartão vermelho, mas tudo não passou de um erro. O árbitro pensou que o jogador do Dínamo já tinha amarelo e mostrou-lhe o segundo. Contudo, depois de consultar as suas notas, viu que estava errado e retificou a decisão.

78'- Otamendi consegue um precioso desvio. Verbic preparava-se para encostar para o primeiro golo do Dínamo Kiev.

72'- Weigl e Zabarnyi vêem o cartão amarelo.

70'- O Benfica vai dominando... mas o tempo vai também passando e o empate vai persistindo. As substituições não surtiram grande efeito na equipa encarnada.

63'- Agora é Rafa! Remate à baliza de Boyko, bloqueado por Zabarnyi.

59'- Tripla substituição no Benfica. Saem Everton, Yaremchuk e Gilberto, entram Radonjic, Darwin e Lazaro.

55'- YAREMCHUK! Que oportunidade! Rafa não desistiu, ganhou o lance, e o avançado ucraniano ficou perto de marcar à sua antiga equipa. Valeu Boyko a evitar o primeiro das águias.

47'- EVERTON! Cruzamento de Grimaldo e o extremo brasileiro atira frouxo para as mãos de Boyko.

46'- Recomeça a partida em Kiev.

45+1'- Intervalo!

44'- Cartão amarelo para Yaremchuk.

43'- Mykolenko remata para defesa segura de Odysseas.

41'- Remate forte de Yaremchuk para defesa de Boyko! O Benfica está cada vez mais perto do golo.

40'- RAFA! Livre de João Mário para o espaço e o atacante das águias tenta o balão de pé direito, mas a bola sai por cima da baliza ucraniana.

35'- No outro jogo deste Grupo E, Thomas Muller marca e adianta o Bayern Munique frente ao Barcelona.

34'- EVERTON! Pressão muito alta da equipa encarnada, Weigl ganha o esférico, que sobra para o extremo brasileiro. Everton tenta o remate, mas é bloqueado por um defesa.  Que perigo para a baliza do Dínamo Kiev!

30'- O Benfica está mais balançado para o seu lado esquerdo, tentando explorar as incursões de Everton e Grimaldo por aquele flanco. O brasileiro tira mais um cruzamento que 'morre' nas mãos de Boyko.

26'- Remate de Rafa em boa posição, após passe de Yaremchuk. A bola bate, no entanto, num adversário.

23'- Benfica vai ditando o ritmo da partida.

21'- Cartão amarelo para Rafa.

20'- O Benfica novamente com mais posse de bola. Ainda assim, o lance de maior perigo do encontro pertence ao Dínamo, naquele livre cobrado por Shaparenko.

11'- Mais uma iniciativa individual de Rafa a criar perigo, mas o atacante do Benfica acaba por exagerar no drible e o lance perde-se.

9'- ODYSSEAS BRILHA! Grande defesa do guarda-redes do Benfica a remate de Shaparenko.

8'- Falta de Vertonghen e livre perigoso para o Dínamo Kiev.

5'- Mais bola para o Benfica nestes minutos iniciais.

3'- RAFA! Primeiro remate do Benfica. O 27 das águias recupera a bola, acelera no miolo e tenta o tiro à baliza do Dínamo. Ganha o canto.

1'- ROLA A BOLA NA UCRÂNIA!

0'- Ouve-se o hino da Champions no Olímpico de Kiev!

0'- Equipas a postos. Benfica e Dínamo Kiev sobem ao relvado.

Onzes iniciais

Dínamo de Kiev: Boyko; Kędziora, Zabarnyi, Syrota, Mykolenko; Sydorchuk, Shaparenko; Tsygankov, Buyalskiy, de Pena; Shkurin.

Benfica: Vlachodimos; Otamendi, Vertonghen e Morato; Gilberto, João Mário, Weigl e Grimaldo; Rafa, Yaremchuk e Everton.

Suplentes do Dínamo de Kiev: Bushchan, Neshcheret, Shabanov, Tymchyk, Verbič, Shepelyev, Lednev, Andriyevskiy, Garmash, Karavaev, Vitinho, Supryaha.
 
Suplentes do Benfica: Helton, Diogo Gonçalves, Lazaro, Ferro, Meïté, Pizzi, Radonjić, Taarabt, Gedson, Darwin Núñez, Seferović, Gonçalo Ramos.
 

Antevisão

O Benfica é a primeira equipa portuguesa a entrar em ação na Liga dos Campeões. Esta terça-feira, às 20h00, rola a bola em Kiev e por estranho que pareça o frio não fará parte deste encontro.


O Dínamo vai receber a equipa encarnada na 1.ª jornada do Grupo E da Champions, num dia em que o clima não será problema. Não será o clima, mas será uma equipa orientada por Mircea Lucescu, como Jorge Jesus alertou na antevisão do encontro.

O treinador das águias não espera facilidades da equipa que na teoria será a mais fácil de defrontar para o Benfica neste grupo, e deixou bem claro que considera a formação ucraniana tão difícil como Bayern Munique ou Barcelona.

Mesmo depois de uma goleada ao Santa Clara, o Benfica terá de ter cautela. Jogar em Kiev não é fácil, mas os encarnados sabem a receita para trazer três pontos da Ucrânia porque já o conseguiram há precisamente cinco anos, num encontro a contar também ele para a Champions.

O árbitro da partida será o britânico Anthony Taylor.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório