Meteorologia

  • 29 JULHO 2021
Tempo
26º
MIN 17º MÁX 27º

Edição

Luiz Phellype e o título: "Rúben soube como nos fazer acreditar"

Avançado brasileiro recordou que esteve perto de rumar ao Benfica.

Luiz Phellype e o título: "Rúben soube como nos fazer acreditar"

Luiz Phellype, avançado do Sporting, concedeu uma entrevista à Rádio Gaúcha, na qual fez o balanço da temporada ao serviço dos verde e brancos que terminou com a conquista do título de campeão nacional.

O avançado brasileiro considerou que a relação que Rúben Amorim construiu com a equipa foi a base para o sucesso no final da época.

"O Rúben sabe o que os jogadores estão a pensar e o que sentem. Essa foi a maior arma do Sporting, ele conversar como alguém que sabe o que está a acontecer lá dentro. Na questão tática não houve muita coisa diferente, foi a mentalidade, Rúben soube como nos fazer acreditar que podíamos ser felizes. Numa equipa, quando todos entendem as ideias do treinador e confiam nele, fazem acontecer. É um passo muito grande para o sucesso", começou por dizer Luiz Phellype.

Lesionado durante grande parta da temporada passada devido a um problema no joelho, o avançado brasileiro mantém a ambição de ser importante no Sporting.

"O momento da lesão foi complicado. Quando vim para o Sporting sonhava ser campeão e ser um dos protagonistas. Estava numa boa fase mas a lesão, e eu que nunca me tinha lesionado, e no melhor momento da carreira, tornou tudo muito difícil. Queria continuar a evoluir, dar o salto, mas o futebol tem destas coisas. Fiquei mais de um ano lesionado, voltei a treinar sem sentir dores em fevereiro último. Hoje estou bem, já sem dores, e agora vou retomar a carreira donde parei e continuar. Ainda vou a tempo e muita ambição para voltar e ser melhor do que era antes", continuou.

O jogador revelou ainda que esteve perto de rumar ao Benfica, ante de deixar o Paços de Ferreira para assinar pelo Sporting em dezembro de 2018.

"Ia ganhar mais no Benfica, mas foi o desafio. Quando cheguei tinha o Bas Dost, um ídolo. Mas era ele, não havia outro. Pensei que devagar ia lá chegar. Foi o maior motivo. Desafio e vontade de vencer, não ser apenas mais um", finalizou.

Leia Também: "O Sporting está em conversações com o Besiktas"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório