Meteorologia

  • 07 MAIO 2021
Tempo
23º
MIN 13º MÁX 24º

Edição

Jorge Jesus: "Primeiro lugar? Isso são histórias da carochinha"

Treinador do Benfica sublinha que acredita que pode chegar ao segundo lugar, embora reconheça que está mais difícil.

Jorge Jesus: "Primeiro lugar? Isso são histórias da carochinha"

O Benfica entra em campo esta quinta-feira frente ao Portimonense, na 28.ª jornada da I Liga, às 19h00. 

Antes deste encontro, Jorge Jesus abordou vários assuntos em conferência de imprensa com destaque para a possibilidade de de atingir ou não o 2.º lugar do campeonato.

Fique com o essencial das declarações do treinador das águias.

Derrota condicionou: Não condicionou nada. Nós temos que trabalhar em função dos objetivos de cada jogo, conhecendo os nossos adversários. O campeonato português está difícil, os jogos têm sido muito disputados. Vamos encontrar um Portimonense que está a fazer uma segunda volta muito forte. A equipa trabalhou durante a semana, como vinha a trabalhar há um mês e meio atrás, com a mesma confiança e intensidade. Sabemos que o adversário está moralizado, mas também sabemos que temos qualidade e valor para trazer os três pontos.

Saída caso não se consiga o apuramento para a Champions: Tenho dois anos de contrato, já falei sobre isso. Não me vou repetir sobre a mesma coisa. Vamos cumprir a primeira época e a segunda época, dentro daquilo que acreditamos que somos capazes de fazer. Acreditamos que ainda temos capacidade para conquistar o 2.º lugar.

Superliga Europeia: Não tive muito tempo para acompanhar, nem eu nem ninguém, porque isto mudou tudo muito rápido. Nunca acreditei que isto fosse até ao fim porque o futebol ao longo da história é um jogo feito para o povo. Os melhores criam um historial por resultados desportivos. Só por resultados é que pode haver uma elite do futebol. Não é num torneio com alguns que nunca tiveram capacidade para lá chegar desportivamente hoje tinham essa possibilidade para o poder conquistar. Não vou dizer que nunca acreditei, porque agora é fácil dizer, mas agora que isso é contra o que é a essência do futebol e do desporto… isso é. As pessoas que têm respeito pelo jogo nunca vão aderir a uma situação dessas.

Pressão para chegar ao 2.º lugar: Não sinto pressão, sinto é que está mais difícil. Estávamos a três, agora a seis. A pressão é sempre a mesma num clube que tem sempre de ganhar.

Mensagem que passa para a equipa: Não podemos fingir que somos cegos. Não fujo a pergunta nenhuma. Faltam sete jogos, são 21 pontos. Se me disser que é possível chegar ao 1.º lugar? São 12 pontos, matematicamente é possível, mas na prática… Não é impossível, mas é muito difícil. É estar aqui a contar histórias da carochinha e eu não conto histórias da carochinhas. Agora, o segundo lugar nós acreditamos, mesmo não estando apenas dependente de nós. Tanto para nós, como para o FC Porto, vão haver jogos muito difíceis. Não tenho dúvidas nenhumas que haverão pontos perdidos.

Everton em baixo rendimento: Cada caso é um caso. Ele sabe que neste momento não está ao nível que estava no Brasil, há jogadores que se demoram a adaptar. No Brasil, todas as equipas jogam para ganhar. Em Portugal somos muito mais evoluídos taticamente, sabemos parar o jogo dos adversários, e ele tem tido alguma dificuldade nesse pormenor do jogo. Mas o que está dentro dele, eu acredito nas suas capacidades. Não acredito que seja o mesmo nestes sete jogos que faltam, mas no próximo ano será diferente. Acredito que tenho de dar o benefício da dúvida, ele se não fosse um grande jogador, não jogava na seleção do Brasil. Portanto penso que ele tem tudo para continuar a jogar ao nível dele. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório