Meteorologia

  • 19 JANEIRO 2021
Tempo
MIN 4º MÁX 15º

Edição

Sporar sem 'faro' de golo e em' curto-circuito' na equipa do Sporting

Sporar leva apenas dois golos marcados em 10 partidas contabilizadas e é segundo jogador do plantel leonino com pior qualidade de passe na I Liga.

Sporar sem 'faro' de golo e em' curto-circuito' na equipa do Sporting

O Sporting venceu, no passado sábado, o Moreirense, por 2-1, num duelo relativo à oitava jornada da I Liga e, mais uma vez, graças à ajuda de Pedro Gonçalves.

Se Pote tem sido um verdadeiro abono de família para Rúben Amorim, já Andraz Sporar traduz-se num elemento que, há muito, pouco ou nada acrescenta, seja na zona onde devia ser predador, seja nas imediações da área rival, onde a qualidade de passe roça os mínimos aceitáveis, não esquecendo o trabalho defensivo que também não é o forte do esloveno.

A análise até agora parece subjetiva, mas há números que dão força às palavras. O avançado leva três jogos consecutivos sem marcar (dois jogos para a I Liga e outro para a Taça de Portugal). 

No duelo da 3.ª eliminatória da Taça de Portugal foi o único avançado a ser lançado por Rúben Amorim que não fez o gosto ao pé. Esteve 90 minutos em campo e sete golos foram festejados pelos sportinguistas, mas nenhum pertenceu ao esloveno. 

Já na derradeira partida deste sábado, frente aos cónegos, Sporar atirou uma bola ao travessão da baliza de Mateus Pasinato, é certo. Todavia, tudo o resto se resumiu a uma sucessão de passes errados, más escolhas na condução do fio de jogo e um elemento claramente a menos no onze de Rúben Amorim.

A má fase do esloveno é, de resto, algo que já dura desde o início da época, com um ou outro ponto alto. Basta ver que Sporar leva apenas dois golos marcados em 10 partidas contabilizadas. Significa isto que, nos 442 minutos em que já esteve em campo, o avançado esloveno apenas factura um remate certeiro a cada 221 minutos, ou seja, demora dois jogos e uma primeira parte quase completa para chegar ao tão desejado golo.

Na última conferência de imprensa, o técnico adjunto dos leões, Emanuel Ferro, saiu em defesa de Sporar, frisando que "o trabalho dele não é só finalizar, mas obviamente que um ponta de lança, marcando golos, vai ser mais feliz".

"O trabalho dele também passa por defender, posicionar, assistir, e Sporar fez um trabalho competente", complementou o o adjunto de Rúben Amorim. Todavia, não é só no capítulo dos golos que o reforço que chegou em janeiro deste ano a Alvalade está a capitular. 

De acordo com dados do portal WhoScored, na presente época o futebolista de 26 anos, para a I Liga, apresenta uma média de apenas dois remates por jogo e, mais preocupante ainda, Sporar nem um duelo aéreo consegue ganhar por jogo (média de 0,6).

E, para finalizarmos, terminamos com mais um dado estatístico. À exceção de Gonçalo Inácio, que apenas disputou 33 minutos na Liga 2020/21, sabe qual é o jogador com pior qualidade de passe no plantelAndraz Sporar... um em três passes do esloveno não termina em bom porto.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório