Meteorologia

  • 02 DEZEMBRO 2020
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 18º

Edição

Ricardo Pereira dá receita para vencer City: "Têm de fazê-los correr"

Antigo lateral do FC Porto vê a formação orientada por Pep Guardiola mais inconstante.

Ricardo Pereira dá receita para vencer City: "Têm de fazê-los correr"

O FC Porto tem tarefa difícil pela frente na quarta-feira quando defrontar em Inglaterra o Manchester City, não só pelo adversário que têm do outro lado, mas também pelo facto de os dragões nunca terem vencido em terras de Sua Majestade em 20 jogos já realizados.

Perante este confronto, o ex-FC Porto Ricardo Pereira, agora no Leicester, indica o que os campeões nacionais podem fazer para vencer o jogo, à semelhança do que os foxes já fizeram este ano com uma goleada sobre o Manchester City.

"Continua a ser um City dominador, com o seu estilo de jogo muito característico, com jogadores de nível mundial, mas que tem sido assolado por algumas lesões que têm influenciado este início. As lesões são as maiores dificuldades que têm tido, o que leva a que por vezes tenham de adaptar jogadores a outras posições. Com os jogadores todos disponíveis seriam certamente muito mais fortes", começou por dizer o internacional português em declarações prestadas ao jornal O Jogo.

"O FC Porto deve fechar bem os espaços, tentando jogar de uma forma compacta. O City gosta de explorar os espaços entre linhas, gosta de atrair marcações para abrir espaços do lado contrário e tem uma forma de jogar muito difícil de contrariar. Para isso, é preciso defender de uma forma muito compacta e os jogadores têm de estar muito concentrados", atirou.

Ricardo Pereira apontou ainda os aspectos que o FC Porto deve explorar no encontro, apontando o Manchester City como inconstante esta época.

"O Manchester City é uma equipa que gosta de pressionar quando perde a bola e, se o FC Porto for eficaz nessas saídas de bola e conseguir sair a jogar, há espaço para criar problemas. Inconstante? Sim. Por exemplo, no jogo contra nós, acabou por se verificar um resultado anormal [vitória do Leicester por 5-2]. Mas também acho que isso foi um pouco influenciado pelas lesões e por não terem o plantel completo. Isso complicou muito a tarefa deles, ainda para mais num campeonato como a Premier League, onde todos os jogos são difíceis e qualquer equipa pode ganhar", sublinhou.

"O Manchester City é candidato a vencer o campeonato inglês, financeiramente é um clube completamente diferente, mas o FC Porto tem uma palavra a dizer se conseguir defender bem e se tiver bola. O FC Porto tem de fazê-los correr", concluiu.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório