Meteorologia

  • 18 FEVEREIRO 2020
Tempo
14º
MIN 10º MÁX 15º

Edição

Paulinho sentenciou um leão nacional 'morto': As notas do Braga-Sporting

Arsenalistas qualificaram-se, nesta terça-feira, para a final da Taça da Liga, onde agora vão defrontar Vitória SC ou FC Porto.

Paulinho sentenciou um leão nacional 'morto': As notas do Braga-Sporting

O Sporting de Braga venceu, nesta terça-feira, o Sporting, por 2-1, qualificando-se desta forma para a final four da Taça da Liga, onde agora esperam, no conforto do sofá, pelo desfecho da partida entre Vitória SC e FC Porto, agendada para esta quarta-feira.

Já os leões despedem-se da Taça da Liga, competição que tinham ganho nas últimas duas épocas, juntando este desaire ao da Taça de Portugal, onde caíram 3.ª eliminatória diante do Alverca, para olhar para um campeonato onde estão a 19 pontos do líder Benfica. Podemos, com isto tudo, falar de um leão nacional 'morto'?

O clube de Alvalade, no espaço de três semanas, perdeu certamente com os três adversários mais difíceis no panorama interno: FC Porto (1-2), Benfica (0-2) e Sporting de Braga (1-2). Contas feitas, o Sporting elevou para 12 o número de derrotas na presente época, superando o registo negativo das duas épocas anteriores (11 na época passada, 10 em 2017/18).

O último desaire verde e branco nasceu por inoperância de um leão que não conseguiu tomar as rédeas do encontro desde o minuto inicial. Os guerreiros do Minho entraram de espada em riste e cedo se colocaram em vantagem, por intermédio de um golo de Ricardo Horta. Na primeira ocasião que o Sporting dispôs, entre os postes, Mathieu 'à ponta de lança' restabeleceu a igualdade, para, numa etapa complementar, que começou com um cabeceamento venenoso à baliza de Matheus, a jogada seguinte ditasse a história dos 30 minutos finais da partida.

Bolasie foi expulso por uma entrada imprudente sobre Sequeira, aos 61 minutos. Silas tirou Luiz Phellype para colocar em ação Luís Neto e assim estancar as ofensivas de um Sporting de Braga que aproveitou a inferioridade numérica adversária para fazer ainda mais danos à nau leonina. Trincão, entrou no decorrer da segunda parte, Galeno e João Novais dispuseram de soberanas oportunidades para partir a igualdade no marcador, mas acabou por ser Paulinho, ao minuto 90, a colocar um ponto final na partida. Depois disso nota ainda para a expulsão de Mathieu, após entrada dura sobre Esgaio, e uma sequência de imagens a lamentar: vários jogadores envolveram-se numa troca de galhardetes e empurrões. Entre a chuva de amarelos destaque para o vermelho direto mostrado por Nuno Almeida a Borja.

Confira agora quem foram os maiores destaques deste Sp.Braga-Sporting:

Figura do jogo: Paulinho já tinha marcado no Dragão, na jornada anterior do campeonato, para agora ajudar a selar o passe dos minhotos para a final da Taça da Liga. Participou no golo que deu origem ao primeiro tento, assinado por Ricardo Horta, para ao minuto 90 pôr um estádio em ebulição. 

Surpresa do jogo: Perante a ausência de Palhinha, João Novais assumiu a pasta deixada pelo jogador emprestado pelo Sporting aos minhotos. Além de ser um todo-o-terreno tornou-se ainda um quebra-cabeças na área de Luís Maximiano. Poucos momentos depois à expulsão de Bolasie, aos 61 minutos, esteve a centímetros do golo.

Desilusão do jogo: Bolasie chegou há menos de meio ano e já soma duas expulsões no CV. Após ter saído mais cedo do encontro em Portimão, também referente à Taça da Liga, agora foi a vez de ser lançado por Silas ao intervalo, para 16 minutos volvidos ir tomar banho mais cedo. Uma entrada imprudente sobre Sequeira tornou um trunfo do técnico leonino no início de um grande pesadelo.

Treinadores:

Rúben Amorim: Promoveu duas alterações relativamente ao onze que alinhou no Dragão. Para o lugar de Palhinha, impossibilitado de jogar por ser jogador emprestado pelo Sporting, colocou em ação João Novais. O médio português foi um quebra-cabeças para os leões. Perfeito a recuperar, melhor ainda a servir. Não só deu conta dos recados que lhe incumbiam como ainda colocou Maximiano em apuros num par de ocasiões. O técnico português teve ainda a mestria de apostar em Trincão no decorrer da segunda parte, tirando partido da expulsão de Bolasie. Perfeito em quase todos os momentos do jogo, Rúben Amorim colheu o prémio perfeito ao minuto 90. 

Silas: Certamente não viu o mesmo jogo que a maioria dos portugueses assistiram pela televisão. O treinador verde e branco falou em conferência de imprensa de um jogo com ligeiro ascendente para o Sporting de Braga na etapa inicial, quando os leões apenas conseguiram efetuar um remate entre os postes em toda a primeira parte: lá está, o golo de Mathieu. Não precisamos de olhar para o que o adversário fez, mas para o que este Sporting se mostrou incapacitado de fazer. Falhas nas marcações, perda constante de segundas bolas, permissividade ao adversário para entrar na última linha defensiva [parece que o leão não aprendeu com o primeiro golo de Rafa, no último duelo frente ao Benfica], para continuar a ser um leão imprudente em fases determinantes do jogo. Bolasie foi 'joker' fora de contexto para Silas e quem já estar pensar em grandes penalidades a partir do minuto 60 arrisca-se sim a ter finais dolorosos. Afinal qual dos dois Sporting é o dito 'grande'?

Árbitro da partida: Foi, indubitavelmente, um dos jogos mais difíceis de ajuizar para Nuno Almeida. Se o golo do Sporting, apesar dos protestos bracarenses, não tem qualquer margem de ilegalidade, eis que a expulsão de Bolasie pode oferecer aos mais entendidos na matéria dúvidas relativamente à cor do cartão. Sobre o vermelho a Mathieu nada mais havia a fazer, porque só o central francês se pode queixar de si próprio. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório