Meteorologia

  • 22 JANEIRO 2020
Tempo
10º
MIN 7º MÁX 13º

Edição

"Mercado? Não precisamos de mais ninguém para o resto da época"

Sérgio Conceição diz-se satisfeito com as soluções que tem ao seu dispor.

"Mercado? Não precisamos de mais ninguém para o resto da época"

Sérgio Conceição disse, este sábado, esperar um encontro "difícil" diante do Belenenses SAD, num relvado do Jamor que tem já "barba branca". Em conferência de imprensa, o treinador do FC Porto abordou, ainda, uma possível investida ao mercado de transferências de janeiro.

Que jogo espera: Espera-nos um jogo historicamente difícil. Um Belenenses à imagem do que tem sido o treinador. Estudámos o adversário, tem que ser um FC Porto igual a si próprio em todos os momentos. Temos que ser fortes para conseguir os três pontos, que é o nosso grande objetivo.

FC Porto pressionado pelo Benfica: O FC Porto entra em campo pressionado pelo jogo e por se representar um grande clube, onde é obrigatório ganhar.

FC Porto é a melhor equipa a jogar em Portugal: Jogamos o suficiente para ganhar os três pontos em cada jogo.

Críticas de Pinto da Costa à arbitragem do Boavista-Benfica: Subscrevo sempre o que o nosso presidente diz. É o presidente mais titulado do mundo e, se fala em algo, é porque tem motivos para o fazer.

Rotação do plantel a pensar na Europa: Olhamos para cada competição com a sua importância, e o jogo que vai acontecer é sempre o mais importante. Não há qualquer tipo de gestão, vão entrar onze jogadores que acredito que são os que dão mais garantias para ganhar o jogo. Existe ciclos em que jogamos ao terceiro dia, e aqui não é o caso. Vai entrar o onze que penso que é o mais forte, olhando um pouco para o adversário. Temos que olhar para a nossa equipa e levar o jogo para onde queremos. Do outro lado tenho um adversário com valia e bons princípios, tanto com como sem bola.

Dificuldades que o Belenenses SAD pode colocar: Os jogos com o Belenense são sempre competitivos e difíceis. No ano passado tivemos uma vitória difícil, mas muito saborosa. Os adversários costumam preparar-se bem contra nós, dão muita luta e fica muito difícil ganhar os três pontos. Há dois anos não o conseguimos, mas talvez fosse o jogo mais importante para a conquista do título.

Relvado do Jamor: Conhecemos o relvado, é um relvado de barba branca [risos]. Já tem alguns anos. Temos que jogar nele, é o que temos, infelizmente. Fui habituado a ver o Belenenses a jogar no Restelo, e todos percebem que o futebol português beneficia mais com essa ligação. Para nós, isso pouco importa, temos que jogar.

Mercado de janeiro: Os meus reforços são os jogadores que compõem o plantel neste momento. Não é momento adequado para se falar do mercado, mas o plantel é extremamente equilibrado. Tenho soluções e não preciso de ir ao mercado, nem o clube tem essa opinião. Não precisamos de mais ninguém para o resto da época para sermos competitivos em todas as competições.

Golo de Zé Luís inspirou-se no futebol de praia: Mando um abraço à seleção de futebol de praia. Tive o prazer de assistir à final e foi um jogo emocionante, onde também me emocionei com a despedida do Madjer. É um desporto que não se dava nada por ele, e deu alguns títulos importantes a Portugal. Mas o que interessa é a nossa praia e o jogo de amanhã.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório