Meteorologia

  • 13 NOVEMBRO 2019
Tempo
17º
MIN 13º MÁX 19º

Edição

FC Porto - Não perca os últimos golos e lances polémicos

Mais vídeos

Conceição ataca os líricos e reforça que não é "homem do bla, bla, bla"

Sérgio Conceição fez, neste sábado, a antevisão ao duelo frente ao Boavista.

Conceição ataca os líricos e reforça que não é "homem do bla, bla, bla"

Boavista e FC Porto defrontam-se, neste domingo, pelas 21 horas, para a 11.ª jornada da Liga portuguesa.

Para fazer a antevisão a este encontro, Sérgio Conceição fez, pelas 18h30, a conferência de antevisão ao dérbi da Invicta, onde confirmou as ausências de Pepe e Sérgio Oliveira e o regresso de Marega.

Confira abaixo as declarações do treinador azul e branco na página do Desporto ao Minuto. 

Análise ao encontro: As expetativas são as melhores e queremos ganhar este encontro. Será um jogo difícil, num dérbi histórico. Olhamos para um Boavista competititvo, que perdeu a invencibilidade na última jornada. Cabe-nos fazer o melhor jogo possível e arrrecadar os três pontos. 

Este dérbi é ainda mais especial: Todos os jogos são especiais e competitivos. Cabe-nos a nós criar a história do jogo. Recordo-me que o Boavista-FC Porto da temporada anterior foi resolvida nos descontos, esperemos que este ano seja mais fácil. Queremos uma vitória numa competição que é a nossa prioridade. 

Poucos dias de recuperação: Acho que o futebol, ao contrário do que muitos líricos e românticos dizem, o futebol é feito de agressividade, agressividade boa. Nós olhamos para o futebol inglês e o escocês e vemos que o futebol moderno é feito de entrega, ser combativo e agressivo. Depois destas características surge o talento dos jogadores e a base do futebol também passa por aí.

Conta com MaregaPepe, Sérgio Oliveira e o Baró estão de fora. O Marega está entre o lote dos disponíveis. 

Esquema tático de Glasgow é para manter: Temos de olhar para as especificidades desse jogo, amanhã será outro jogo, será uma história diferente.

Condição de Luis Díaz: Os clubes trabalham de uma forma cada vez mais fechada e o intervalo entre os jogos é cada vez mais curta. Todos os pormenores dos últimos jogos foram corrigidos e ha coisas que o tempo não nos permite corrigir, mas tive oportunidade de falar com o iaz depois do jogo com a Escócia., mas não vale a pena estar sempre a debater sobre o que se passou. Importa é falar do que vem aí.

Que Boavista espera? Não controlamos as táticas do adversário, mas espera uma linha de cinco atrás com três centrais, mas isso é no que eu acredito, a estratégia do Lito pode ser outra. Por isso só posso manejar as minhas ideias.

Solidez defensiva do Boavista: Às vezes, os adversários não preparam os jogos para defender em cima das grandes áreas, eu não acredito que as equipas joguem para empatar. Eu também já joguei em equipas menores e jogava sempre para ganhar. Se formos uma equipa com mobilidade e circulação rápida acredito que vamos conseguir desmanchar a tática do Lito Vidigal.

Condição de Uribe: Eu quero realçar uma expressão que usei há poucos dias: 'Não basta ter contrato, é preciso saber representar o clube e a região'. O Corona há pouco tempo não teve o brilhantismo e a imprevisibilidade que se espera, mas teve entrega. Eu não gosto de olhar para a individualidade de cada jogador, mas os que eles me dão a nível de atitude. Eu não sou apenas um homem do bla, bla, bla, eu sinto o que digo e acredito no estado de espírito dos jogadores. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório