Meteorologia

  • 22 NOVEMBRO 2019
Tempo
17º
MIN 14º MÁX 18º

Edição

"Existe uma minoria ruidosa que desrespeita a maioria dos sócios"

Frederico Varandas falou aos adeptos leoninos na gala 'Rugidos de Leão'.

"Existe uma minoria ruidosa que desrespeita a maioria dos sócios"

O presidente do Sporting, Frederico Varandas, voltou a criticar, esta sexta-feira, veementemente as claques leoninas, apelidando-as mesmo de "minoria ruidosa". Entre muitos dos outros temas abordados no discurso na gala Rugidos de Leão, o líder do clube de Alvalade falou sobre as críticas de que a equipa tem sido alvo por causa do rendimento desportivo , do investimento em infraestruturas e aposta nos jovens formados em Alcochete e ainda da reestruturação financeira.

Claques: "Não somos um clube de centenas. Somos um clube com 180 mil sócios e com 3,5 milhões de adeptos! Depois existe uma minoria ruidosa que não aceita viver com as regras da democracia e que desrespeita a legitimidade da vontade da maioria dos sócios do Sporting. Depois existe outra minoria ruidosa que perdeu muitas regalias. Sei que estamos a mexer com interesses instalados de muita gente. Fomos os primeiros em muitos anos a ter a coragem de acabar com um negócio que nada tem a ver com apoio genuíno como era no passado. Fomos os primeiros a acabar com o conceito de uma guarda pretoriana da direção. Guarda pretoriana paga muitas vezes para fazer o trabalho sujo de uma direção. Era muito fácil para nós reduzir esse ruído. Cedíamos e pagávamos a quem faz barulho e a quem exige dinheiro para apoiar! Há momentos na vida em que não podemos vacilar, em que temos de estar do lado certo da história, por mais que isso nos custe, por mais que isso doa, por mais barulho que haja, por mais que isso implique risco, desgaste, confronto. Há momentos na vida em que temos de dizer: não. E pelo Sporting, com prejuízo para mim, para o meu nome, já disse não várias vezes. E se tiver de voltar a dizer não a gente que me promete fim de boicotes e de insultos se eu permitir isto ou aquilo, eu repito: não! E se tiver de voltar a dizer não a gente que me ameaça a mim, aos meus ou a membros destes órgãos sociais, eu repito uma vez mais: não! A juntar a este ruído há que juntar o ruído gerado, seja pelos velhos esqueletos de sempre, seja por papagaios que nunca fizeram nada na vida a não ser bla-bla-bla. Papagaios que põem a sua agenda pessoal acima dos interesses do Sporting e que só fragilizam o Sporting enquanto estão sentados ao lado de quem representa os nossos rivais. Isto interessa a quem? Eu digo. Interessa aos nossos rivais que se riem dos patetas e dos idiotas úteis que fazem o trabalho sujo que eles nem precisam de fazer. Infelizmente estas minorias têm muito medo que esta direção tenha sucesso e preferem até que Sporting perca, pois não conseguem pôr interesses do Sporting acima dos seus.

Críticas à prestação da equipa: "Temos perfeita consciência de que o grupo que temos pode fazer muito melhor, do que fez até agora. Muito se tem falado do 'desastre' que tem sido o arranque desta 2.ª época. Mas chamo a vossa atenção para o seguinte: na 2.ª época da anterior direção, quando Marco Silva era o treinador, à 10.ª jornada, sabem quantos pontos tinha o Sporting? 17. Sabem quantos tem este ano, exactamente à mesma 10.ª jornada? Também 17. Mas hoje estamos em 4.º lugar e na altura éramos 8.º classificado. Não me lembro de ver a histeria que há hoje. Não me lembro deste ruído. Ainda para mais quando fizemos no nosso primeiro ano a melhor época desportiva dos últimos 17 anos. A maioria dos sportinguistas é silenciosa. Nas derrotas sofre, fica triste, mas não ameaça, não insulta e põe sempre os interesses do Sporting acima de tudo. Pode ser silenciosa mas essa maioria diz sempre presente quando o Sporting precisa. Sempre. (...) Depois existe uma minoria ruidosa que não aceita viver com as regras da democracia e que desrespeita a legitimidade da vontade da maioria dos sócios do Sporting."

Investimento em infraestruturas"Era muito tentador e fácil para esta estrutura esquecer o investimento estrutural na academia e na formação e comprar mais um avançado. Havia dinheiro para tudo? não. Tivemos de fazer opções. Tivemos de optar entre aquilo que seria mais seguro, mais popular e de retorno imediato, ou aquilo que era melhor para o Sporting e zelar pelo futuro do sporting! E nós escolhemos sempre o Sporting! Colocámos o futuro do Sporting à frente de qualquer jogada populista ou que dê popularidade a esta direcção! Nunca iremos pôr nada à frente dos interesses do Sporting. Acreditem que ninguém mais do que nós quer vencer e vencer cada vez mais. Mas jamais hipotecaremos o futuro do Sporting ou jamais permitiremos que alguém brinque ou jogue novamente na roleta russa com o Sporting e perca tudo numa jogada! O Sporting ainda hoje paga o preço de jogadas dessas! Temos perfeita consciência do que queríamos e do que pudemos ter."

Competência da estrutura do futebol: "Há quem diga que isto se deve à falta de competência da estrutura de futebol profissional ou a mau planeamento. Nós sabemos as razões e quem estiver de boa-fé também saberá. Esta estrutura é a mesma que no mercado de janeiro deste ano promoveu a saída de três jogadores e a contratação de quatro. E essa manobra foi absolutamente decisiva para as conquistas dos títulos da época 18/19. Esta estrutura é a mesma que fez com que o futebol do Sporting tivesse a melhor época dos últimos 17 anos. É preciso dizer a verdade. O Sporting é um clube que sempre precisou de vender. Este ano, ainda por cima, depois das perdas brutais que existiram, em razão dos milhões de euros que tivemos de pagar pelas dívidas que deixaram por pagar, em virtude da frágil situação financeira, precisávamos de fazer muitas receitas extraordinárias em vendas de jogadores. A somar a tudo isto, a estrutura de futebol teve que fazer um plantel com menos 10 milhões de euros face ao que custava o da época passada. A situação financeira do clube obrigou-nos a isto"

Sporting melhor desde a chegada desta direção: "Quando entrámos no Sporting sabíamos ao que íamos. E temos uma única missão: deixar o Sporting melhor do que em setembro de 2018. E hoje o Sporting está melhor do que em setembro de 2018? Está. Está muito melhor. Está melhor porque desde setembro de 2018 já temos mais sete títulos europeus das modalidades e mais dois títulos de futebol no museu do Sporting. Mas já está bem ou já está como deve estar? Não. O Sporting, para estar bem, tem de ser financeiramente estável e um crónico candidato a vencer todos os títulos nacionais, seja no futebol ou nas restantes modalidades. Errámos? Claro que sim. Não só no futebol como também em outras áreas. Se grandes clubes europeus com grandes orçamentos erram, um clube como o Sporting não haveria de errar? Importante é nunca perder a humildade de reconhecer os erros e perceber porque errámos. Mas o Sporting não está bem há muito tempo."

Venda de Bruno Fernandes: "Tudo indicaria que iríamos fazer uma venda histórica que nos permitiria reequilibrar financeiramente as contas e ainda reinvestir um pouco na equipa de futebol. Isso não aconteceu. O mercado não funcionou como esperávamos. Assim, tivemos que nos adaptar. Tivemos de fazer outras vendas no valor necessário para cumprir as nossas obrigações financeiras, mas não conseguimos dispor dos recursos suficientes para reforçarmos o plantel como tínhamos inicialmente planeado."

Reestruturação financeira: "O Sporting está melhor porque, ao contrário do que muitos diziam, fizemos com grande sentido de responsabilidade, competência e discrição a renegociação de uma reestruturação financeira histórica e decisiva para o futuro do clube. Renegociação essa que permite ao Sporting tão só e apenas aumentar a participação no capital da SAD até próximo dos 90%! E já se nota que há gente a tremer com essa possibilidade!  Estamos a bater recordes nas receitas na área comercial, merchandising, área corporate e terminaremos este ano como o melhor de sempre nesta área."

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório