Meteorologia

  • 19 AGOSTO 2019
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 18º

Edição

Problemas financeiros levam clube dinamarquês a vender... a águia

Proprietário do FC Roskilde explica que o animal custava mais de mil euros por mês aos cofres do clube.

Problemas financeiros levam clube dinamarquês a vender... a águia

O lote de clubes que fazem de animais vivos as suas mascotes, como é o caso do Benfica ou da Lazio, perdeu, esta semana, um elemento. Trata-se do FC Roskilde, que teve de abdicar da águia Sigr devido a problemas financeiros.

A notícia foi dada por Carsten Salomonsson, proprietário do conjunto do segundo escalão do futebol dinamarquês, numa entrevista concedida, esta quarta-feira, ao portal local Sjællandske Medier.

“Foi vendida. Foi uma das primeiras coisas que fiz. Esteve no estádio cinco vezes e custava 8 500 coroas [1 138,2 euros] por mês. Todos os meses tinha de enviar essa quantia para a Jutlândia do Norte, para que ficasse lá a comer ouriços”, atirou.

“Foi a coisa mais estúpida. Tentei vendê-la ao Zoo de Copenhaga, mas eles têm lá muitas águias. Acabei por vendê-la por 5 000 coroas [669,6 euros], quando antes tinha custado 65 mil coroas [8 700 euros]. Mais 8 500 coroas por mês. Quase consigo contratar dois jogadores com isso”, acrescentou, entre risos.

Registe-se na Betano e aproveite o Bónus de 50% até 50€ no primeiro depósito! Jogue no Casino e ganhe Rodadas Grátis!

 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório