Meteorologia

  • 16 JULHO 2019
Tempo
18º
MIN 17º MÁX 19º

Edição

As mais estranhas superstições dos milionários que mandam nos clubes

Não perca oito exemplos de 'manias' que ajudam estes empresários a lidar com a pressão do mundo do futebol.

Vincent Tan - O dono do Cardiff City surpreendeu tudo e todos quando, em 2014, decidiu que o vermelho passasse a ser a cor dominante, quer no símbolo, quer no equipamento do clube, alegando que esta é a sua "cor da sorte" No entanto, face à contestação dos adeptos, acabou por regressar ao azul na temporada seguinte.

Raro é o jogador de futebol que não tem a sua ‘mania’ antes do apito inicial para cada jogo. No entanto, as superstições alargam-se para fora das quatro linhas e, por vezes, afetam inclusive os milionários que detêm a propriedade de clubes.

Há quem acredite que deitar sal sobre o relvado ajuda a afastar a má sorte, e até mesmo quem confie o destino da respetiva equipa… aos sapatos.

Percorra a fotogaleria e confira oito exemplos de estranhos rituais experimentados por donos de clubes ao longo dos últimos anos.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório