Meteorologia

  • 09 DEZEMBRO 2019
Tempo
17º
MIN 11º MÁX 17º

Edição

As primeiras palavras de Rui Vitória no regresso a Portugal

Técnico levou o Al Nassr à conquista do campeonato da Arábia Saudita.

As primeiras palavras de Rui Vitória no regresso a Portugal

Rui Vitória está de regresso a Portugal. Depois de conduzir o Al Nassr à conquista do campeonato da Arábia Saudita, o técnico chegou esta quinta-feira ao nosso país para usufruir do período de férias. Ainda no Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, o ex-líder dos destinos do Benfica fez o balanço destes primeiros tempos da nova aventura.

"É um balanço muito positivo. Eu saí do país há quatro meses e meio, íamos com uma perspetiva de fazer um ano e meio de contrato e no primeiro ano tentar ganhar. Foi isso que de facto aconteceu e quando temos este resultado, somos campeões num país que não é o nosso, é uma satisfação enorme", começou por dizer o treinador.

Rui Vitória acabou por se sagrar campeão em dois países, já que o título do Benfica também teve o seu cunho. "A partir do momento em que deixei o Benfica, passei a ser treinador do Al Nassr e esse é que foi o meu grande objetivo. Foram três anos e meio, tenho muitos amigos no Benfica e fico também feliz. Também participei nele, mas aquilo que me deu muito prazer foi ir à Arábia Saudita e conseguir conquistar o título", frisou, considerando ter feito "um grande trabalho no Benfica e um trabalho importante."

"Saímos a bem quando tínhamos que sair. Muitas vezes temos que sair da estrada para chegarmos ao caminho que queremos. E foi o que aconteceu. Felizmente as duas partes acabaram por ter sucesso no final. Fiquei satisfeito com as palavras [do presidente Luís Filipe Vieira], mas o meu foco a partir do momento em que assumi o Al Nassr foi ser campeão", sublinhou ainda, não querendo alongar-se em comentários. 

Perante a insistência dos jornalistas, Rui Vitória lá recordou a saída da Luz. "Foi algo rápido que se passou. Num fim-de-semana troquei de clube. Era um risco enorme naquela altura, mas entendi que ia experimentar outro campeonato, outra realidade... Não sei o que seria se ficasse ou não ficasse. O que sei é que eu acabei por ser feliz, com a minha equipa técnica, foi um título muito saboroso, fora do nosso país, onde os portugueses têm feito boa figura, mas onde não tem sido habitual ganharem", explicou o treinador, de 49 anos. 

Quanto ao futuro, o técnico não deixa nenhuma garantia. "O futebol é o dia a dia. Nesta altura tenho mais um ano de contrato e fui muito bem recebido, num país em que muitas vezes temos uma imagem muito diferente daquela de quem lá vive. Isso é que também me deixou muito satisfeito. Viemos mais satisfeitos do que quando fomos", salientou, finalizando com... João Félix: "É um grande jogador, como outros que o Benfica tem".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório