Meteorologia

  • 22 ABRIL 2019
Tempo
13º
MIN 11º MÁX 15º

Edição

I Liga - Os melhores tentos apontados na última jornada

Mais vídeos

Dupla 'lapidada' em Portugal brilha na Tailândia

Ricardo Pires e Bruno Dybal iniciaram uma aventura na Ásia e têm estado em destaque no Samut Sakhon.

Dupla 'lapidada' em Portugal brilha na Tailândia
Notícias ao Minuto

08:35 - 24/03/19 por Fábio Aguiar 

Desporto História

Depois de Portugal lhes ter aberto a porta da Europa, há dois jogadores que decidiram partir à conquista da Ásia. Ricardo Pires e Bruno Dybal iniciaram uma nova aventura no início do ano e partiram rumo à Tailândia para representarem o Samut Sakhon, atual 8.º classificado da Thai League 2, o segundo escalão do futebol daquele país. 

Numa cultura totalmente diferente, a dupla brasileira tenta ainda adaptar-se à vida, à comida e ao próprio futebol que, como seria de esperar, é bem diferente do praticado em solo luso. 

"O futebol português está muito mais à frente, técnica e taticamente. Além disso, em Portugal não existe este limite de estrangeiros. Aqui o futebol é mais rápido, forçam a marcação aos estrangeiros e existe essa preocupação. A nível técnico, falando da Ásia, é bom", começou por dizer Ricardo Pires, em declarações ao Desporto ao Minuto

Com vários clubes nacionais já no currículo, o avançado vestiu a camisola do Sertanense na primeira metade da temporada e chegou a defrontar o Benfica na Taça de Portugal. A ambição de experimentar novas sensações levou-o até ao outro lado do mundo. "Fiquei bastante impressionado com o impacto que os jogos têm. Há sempre muito público nos estádios e as televisões transmitem sempre, o que dá maior visibilidade. Os treinos são muito diferentes. O nosso treinador é tailandês e tem outros métodos bem distintos, mais atrasados, de certa forma", explicou ainda o atacante, salientando que a limitação dos estrangeiros "condiciona bastante o papel dos jogadores".

Notícias ao MinutoRicardo Pires vestiu a camisola do Sertanense na primeira metade da época e defrontou o Benfica na Taça de Portugal.© DR Notícias ao Minuto

Por seu lado, Bruno Dybal vestiu a camisola do Gil Vicente na temporada 2016/17, antes de partir para a Lituânia, onde atuou no FK Suduva. Agora, na Ásia, o brasileiro mostra-se satisfeito com os primeiros tempos. "A adaptação está a ser boa, estou a jogar, e fora de campo as pessoas estão a acarinhar-me bastante. Claro que a cultura é diferente, nomeadamente a comida, mas sinto-me bem", referiu o médio, de 25 anos.

"Aqui o futebol é mais físico, não é tão tecnicista, mas o nível está a subir. Aqui a organização é muito boa, os clubes são bastante cumpridores e a liga vai continuar a crescer. Já existem boas equipas, com bons jogadores, alguns estrangeiros, e a competição é equilibrada, até porque há muitos adeptos e excelentes estádios", acrescentou ainda. 

Notícias ao MinutoBruno Dybal mostra-se satisfeito com estes primeiros tempos na Ásia.© DR Notícias ao Minuto

Saudades do... bacalhau com natas

Uma das maiores dificuldades dos dois jogadores foi a adaptação à comida e à própria vida. "É uma cidade mais pequena, bastante tranquila, mas o facto de estar a apenas 40 minutos de Bangkok, dependendo do trânsito, que aqui é frequente, facilita as coisas", detalhou Dybal, enquanto Pires não esconde as saudades do nosso país.

"Adoro a comida portuguesa, bacalhau com natas, vitela estufada, enfim, são tantos pratos bons... Confesso que o bacalhau com natas é o meu preferido. Tenho muitas saudades", atirou, entre risos, o ponta-de-lança.

Notícias ao MinutoPires admite que espera voltar a Portugal a curto/médio prazo.© DR Notícias ao Minuto

 Regresso a Portugal está nos planos

Com a etapa ainda no início, os dois jogadores mostram-se focados em dar continuidade ao bom trabalho realizado até aqui. O objetivo é ajudar o clube a alcançar lugares cimeiros, batendo-se com equipas de maior poderio, como são os casos do Thai Honda, Lampang ou Police Tero. Contudo, voltar a Portugal continua nos planos.

"É a minha segunda casa, tenho um carinho enorme pelas pessoas e é um país onde penso viver a curto prazo, juntamente com a minha família. Espero estar aqui mais dois ou três anos e voltar para ainda jogar em Portugal. É verdade que tenho 31 anos, mas sinto-me bem, cuido-me, fisicamente estou forte, não tenho lesões e, por isso, acho que tenho condições que tenho para o fazer", sublinhou Pires, numa opinião partilhada pelo companheiro de equipa. Até lá, os dois vão continuar a dar 'samba' ao futebol tailandês.

Notícias ao MinutoBruno Dybal disputou 21 jogos pelo Gil Vicente na temporada 2016/17.© DR Notícias ao Minuto

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório