Meteorologia

  • 23 MAIO 2019
Tempo
21º
MIN 20º MÁX 23º

Edição

Respira, Vitória! Sociedade Jonas&Rafa 'caçou' os fantasmas de Munique

Depois de uma primeira parte, que foi a continuação do pesadelo da Baviera, as águias ‘despacharam’ os fogaceiros numa etapa complementar eletrizante.

Respira, Vitória!  Sociedade Jonas&Rafa 'caçou' os fantasmas de Munique
Notícias ao Minuto

19:50 - 01/12/18 por Ricardo Santos Fernandes 

Desporto Liga portuguesa

O Benfica venceu, neste sábado, o Feirense, por 4-0, num duelo relativo à 11.ª jornada da Liga portuguesa. Um resultado que permite às águias colarem-se no segundo lugar à condição, a um ponto do líder FC Porto. Já os fogaceiros prolongam a crise de resultados e situam-se no antepenúltimo lugar do campeonato, com apenas nove pontos.

As águias terminaram a primeira parte sob o efeito do mal-estar de Munique e só na segunda parte, com 20 minutos de ‘pura explosão’, abriram a cortina da felicidade, com Jonas e Rafa em evidência. No tento inaugural, Grimaldo assistiu para o brasileiro, no segundo Rafa cruza para o coração da área, onde aparecia Jonas para o ‘tiro final’, mas antecipou-se Bruno Nascimento de forma infeliz. Já o terceiro foi o culminar de uma exibição perfeita do dueto luso-brasileiro: Jonas assiste para o golo de Rafa. Mas a festa da Luz não terminou sem o golo de Seferovic, ao minuto 90.

A 3.ª parte do pesadelo de Munique

Rui Vitória promoveu três alterações no onze titular, comparativamente ao que alinhou na Baviera. Jardel, que estava suspenso e não alinhou em Munique, regressou ao eixo da defesa, ocupando o lugar de Conti, mas as outras duas mudanças foram por opção. No meio campo entrou Gedson e saiu Gabriel, titular frente ao Bayern, assim como Cervi, que cedeu o lugar a Zivkovic.

Rui Vitória pediu uma atitude diferente, nomeadamente aos jogadores que chegaram esta época, ouvindo-se forma sistemática da boca do técnico português “queremos uma atitude à Benfica”. A verdade é que as águias entraram em campo, sem intenção de levantar ‘voo’, e ainda sob o efeito dos analgésicos de Munique.

Luís Filipe Vieira frisou que não queria uma equipa a jogar de forma lenta e previsível, mas essa foi a toada de uma primeira parte em que a melhor ocasião de golo, surgiu na sequência de um livre cobrado por Pizzi, à passagem do minuto 28.

À margem deste fogacho, os primeiros 45 minutos viveram de lances ocasionais protagonizados por Rafa e Zivkovic, e pontualmente um ‘turbo’ de velocidade imprimido por Gedson. Jonas teve pouco ‘fogo’ para calibrar as botas e foi Vlachodimos, num par de ocasiões, a livrar a baliza dos encarnados de sustos maiores.

Um apontamento que fica da primeira parte: As claques do Benfica começam a cantar e a apoiar a equipa, depois de 30 minutos em silêncio e sem qualquer atividade na bancada.

Benfica ‘ressuscitou’ das cinzas de uma forma eletrizante

E o que disse Rui Vitória ao intervalo? A pergunta que se repercutiu nas bancadas da Luz, logo nos minutos iniciais da etapa complementar. Acabaram-se os efeitos dos analgésicos de Munique e o ‘quadro de eletricidade’ do bastião encarnado disparou nos volts alcançados nos primeiros minutos da segunda parte.

Os dois primeiros golos dos encarnados surgiram no espaço de oito minutos: aos 49’, Grimaldo recuperou a bola na lateral da grande área e assistiu Jonas para o tento inaugural, aos 57’ Rafa deambulou pela muralha azul na pequena área,surgindo Bruno Nascimento na antecipação, por infelicidade, a condenar os fogaceiros.

Numa segunda parte de sentindo único, o Benfica foi sempre à procura de mais e com normalidade, à passagem dos 68 minutos, o dueto Jonas-Rafa produziu o terceiro capítulo de uma história feliz na Luz: o brasileiro assistiu e o português não se fez rogado com a prenda.

Mas o ‘laço’, esse só foi colocado por Seferovic ao minuto 90. O guião do enredo começou tenebroso, mas terminou com ‘céu limpo’ sem direito a trovões. A Luz assobiou ao intervalo, mas aplaudiu no final. O reflexo dos novos tempos, em que numa noite se pensa numa coisa e de manhã acorda-se a pensar noutra.

Relato do jogo

90+3' - TERMINA O JOGO NA LUZ!

90' - Três minutos de compensação.

90' - GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOLO DO BENFICA! MARCA SEFEROVIC!

82' - Nova alteração no Benfica. Sai Jonas. Entra Seferovic.

80' - Mexe o Benfica. Sai Gedson. Entra Gabriel.

75' - Cabeceamento de Gedson, mas desvia num jogador do Feirense e vai para fora.

68' - GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOLO DO BENFICA, DO BENFICA, DO BENFICA! E VÃO TRÊS PARA AS ÁGUIAS! JONAS NA ASSISTÊNCIA, RAFA NO REMATE FINAL! 

65' - PIZZI! PIZZI! PIZZI! O português engatinhou a perna e a bola passa a centímetros dos ferros. Benfica permanece ligado à corrente.

57' - GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOLO DO BENFICA! BRUNO NASCIMENTO CONDENOU A SUA EQUIPA E INTRODUZ A BOLA NA PRÓPRIA BALIZA! Grimaldo estava ligado à quinta mudança, chegou à linha final, cruzou.... estava Jonas para a emenda, mas o fogaceiro acusou a pressão e atirou a contar para o segundo das águias.

55' - GOLO DO BENFICA! MAS NÃO CONTA.... INVALIDA RUI COSTA! Brasileiro estava em posição irregular.

51' - O QUE ACABA DE PERDER JONAS! INCRÍVEL! Rafa recupera a bola na lateral da grande área, serve o brasileiro e este em posição de fuzilar a baliza, atira de forma inacreditável ao lado do poste esquerdo de Caio Secco! Acorda o Benfica, as bancadas exultam com o ritmo vertiginoso das águias!

50' - Pizzi cai na área e pede grande penalidade. Rui Costa nada assinala e manda seguir.

49 '- GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOLO DO BENFICA! MARCA JONAS! MARCA O ABONO DE FAMÍLIA DA NAÇÃO ENCARNADA! Estava de costas para a baliza, virou-se na pequena área, rematou cruzado e a bola só parou no fundo das redes de Caio Secco!

46' - Começou a segunda parte, com uma alteração na equipa do Feirense. Saiu Sturgeon, entrou Brian.

45'+2 - Termina a primeira parte na Luz. [0-0] Monumental assobiadela dos adeptos para a exibição protagonizada pelo Benfica. Voltam a ver-se lenços brancos na Luz.

45' - Dois minutos de compensação na Luz.

45' - Feirense reduzido a 10. Sturgeon está a ser assistido fora do relvado, junto à baliza de Caio Secco.

44' - Cruzamento de Grimaldo para a cabeça de Jonas, mas Caio segura com tranquilidade.

41' - Boa combinação entre Zivkovic e Rafa na área, com direito a toque de calcanhar, mas o lance perde-se devido a falta do internacional português.

40' - NOVO CALAFRIO NA LUZ! Remate de longa distância de Luís Machado e a redondinha a sair perto do poste direito da baliza de Vlachodimos!

36'  - QUE PERIGO! Na sequência de um livre, João Silva desvia a bola de cabeça para a baliza das águias. Estava atento Vlachodimos, que seguia a jogada com 'olho de falcão'.

35' - Cartão amarelo para João Silva (Feirense).

31' - As claques do Benfica começam a cantar e a apoiar a equipa, depois de 30 minutos em silêncio e sem qualquer atividade na bancada.

28' - FINALMENTE SURGIU A PRIMEIRA CLARA OCASIÃO DE GOLO NO ENCONTRO! Pizzi, num livre à entrada da área, rematou colocado, mas Caio Secco 'voou' para o ângulo direito da sua baliza e fez uma parada fenomenal!

25' - Rafa descobriu posição para remate à entrada da grande área, mas o 'tiro' do português saiu fraco e terminou tranquilamente nas mãos de Caio Secco.

20' - Cruzamento de Zivkovic para o segundo poste onde estava Jonas, mas o brasileiro não chega à bola.

17' - QUE PERIGO! Defesa incompleta de Caio Secco, que na sequência de um mau afastamento ia colocando a sua baliza em alvoroço. 

No Benfica, seis jogadores foram titulares em todas as jornadas do campeonato

10' - Rafa tentou o remate, mas a bola foi interceptada pelo central Briseño.

7' - Bruno Nascimento fica a sangrar depois um toque fortuito de um jogador do Benfica. Tem de ser assistido fora do campo.

6' - PRIMEIRO REMATE DA PARTIDA! Tiago Silva remata torto e defeituoso, muito ao lado da baliza de Vlachodimos.

4' - Cartão amarelo para Rafa.

2' -  Bruno Nascimento atrasa-se, perde a bola e faz falta sobre Jonas.

Atenção que houve uma alteração de última hora no Feirense: saiu Babanco, entrou Kodjo.

1' - JÁ ROLAAAAA A BOLA NA LUZ! Começaram as emoções deste Benfica-Feirense. Saíram os encarnados a jogar.

- Capitães Jardel e Cris escolhem campo e bola junto ao árbitro Rui Costa.

-Tudo a postos para o início deste Benfica-Feirense. Mais de 35 mil espetadores na Luz neste momento.

- Lenços brancos na Luz para Rui Vitória. As equipas já estão perfiladas no terreno de jogo.

-Terminou o aquecimento.

-Monumental assobiadela para Rui Vitória! Depois dos jogadores terem sido anunciados um a um pelo speaker do estádio, chegou a vez do treinador encarnado e as bancadas da Luz fizeram ouvir-se com estrondosos apupos e tímidos aplausos.

- A meia hora do início de encontro o ambiente no Estádio da Luz é bastante morno, sendo que as bancadas da Luz ainda estão muito despedidas de público. 

- Jogadores entraram para os exercícios de aquecimentos, com aplausos, mas também com alguns assobios à mistura.

Onzes do Benfica: Odysseas; André Almeida, Rúben Dias, Jardel e Grimaldo; Fejsa, Pizzi e Gedson; Rafa, Zivkovic e Jonas.

Onze do Feirense: Caio; Edson Farias, Nascimento, Briseño, Tiago Gomes; Cris e Babanco; Sturgeon, Tiago Silva e Luís Machado; João Silva.

São três as alterações que Rui Vitória promove na equipa escolhida para o jogo deste sábado, a contar para a 11ª jornada da I Liga, contra o Feirense. Jardel, que estava suspenso e não alinhou em Munique, regressa ao eixo da defesa, ocupando o lugar de Conti, mas as outras duas mudanças são por opção. No meio campo entra Gedson e sai Gabriel, titular frente ao Bayern, assim como Cervi, que cede agora o lugar a Zivkovic.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório