Meteorologia

  • 16 DEZEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 16º

Edição

Sporting - Não perca os últimos golos e lances polémicos

Mais vídeos

Problemas na 'aterragem'? Leão entrou em campo com 45 minutos de atraso

Um leão transfigurado na segunda parte conseguiu operar a reviravolta no marcador.

Problemas na 'aterragem'? Leão entrou em campo com 45 minutos de atraso
Notícias ao Minuto

08:18 - 05/11/18 por Ricardo Santos Fernandes 

Desporto Análise

O Sporting venceu, este domingo, em Ponta Delgada, o Santa Clara, por 2-1, num duelo relativo à 9.ª jornada da Liga portuguesa. Um triunfo que permitiu aos leões ascenderem ao terceiro lugar da classificação, a dois pontos dos líderes FC Porto e Sp. Braga, beneficiando desta forma do deslize do Benfica, em casa, diante do Moreirense.

Um leão ‘constipado’ na etapa inicial sofreu dois rudes golpes nos primeiros 45 minutos: a saída de Battaglia, à passagem do minuto 28, na sequência de uma lesão no joelho direito, e quatro minutos depois viu a sua baliza ‘arrombada’, por intermédio de Zé Manuel, que colocou em funcionamento o marcador do Estádio de São Miguel.

Leão de ‘cabeça desligada’ num jogo com muita parra

Muita parra e pouca uva foi o resultado de uma etapa inicial, onde faltou dinamismo e ideias a um leão sem coordenação ofensiva. O Sporting teve mais bola, mais qualidade e remates do que o seu opositor, mas faltou acutilância e ser mais atrevido no último trecho do campo.

Nos primeiros 45 minutos, o melhor que se viu foi uma ‘bomba’ de Bruno Fernandes, à qual respondeu com enorme classe o guardião Marco Rocha, o falhanço descomunal de Bas Dost, a cabecear sem oposição na pequena área… ao lado da baliza e, claro está, o golo de Zé Manuel, à passagem do minuto 32, em excelente resposta a um cruzamento de Rashid.

Os 22 jogadores recolheram ao balneário e Bruno Fernandes era, nesta altura, o melhor sobre o relvado. Segundo dados revelados pela GoalPoint, o internacional português registava, entre outros pormenores, dois remates, um passe para finalização, seis recuperações de posse, sete acções defensivas e o máximo de acções com bola do encontro, 47.

Tudo mudou quando Acuña e Jovane Cabral decidiram assinar os 'papeis do casamento'

O Sporting entrou para a segunda parte de cara levada, e a diferença começou a ser feita a partir do banco com a entrada de Jovane Cabral para a saída de Diaby. Uma boa pressão do leão deu frutos a partir dos 62 minutos.

Penálti para o Sporting, Bas Dost não perdoou na marca do castigo máximo e, na sequência do lance, e por protestos, Patrick Vieira viu vermelho direto. O Santa Clara desapareceu do jogo e não espantou ninguém a confirmação da reviravolta: aos 75 minutos, acorreu a um cruzamento de Jovane Cabral da esquerda e, ao segundo poste, Marcos Acuña cabeceou com sucesso.

O internacional argentino não só faturou como se assumiu como a figura do encontro. E os dados divulgados pelo portal WhoScored mostram isso mesmo: quase 80% de acerto no passe, cinco remates, três dos quais enquadrados com a baliza, um golo e dois duelos aéreos ganhos.

SANTA CLARAVSSPORTING
7Remates16
39Posse de bola61
3Cantos7
10Faltas cometidas7
2/1Cartões amarelos/vermelhos3/0

Porto vai aos Açores em altas jogar com o Santa Clara. Haverá goleada? Aposte 20€ sem risco e ganhe 68€ como o Porto vai ganhar por 2 - 1, 3 - 1 ou 4 - 1!

Sugestão para Múltipla de Sábado: Aposte 20€ sem risco e ganhe 117€ como o Porto, Juventus, Bayern, Dortmund e o At. Madrid vão ganhar!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório