Meteorologia

  • 16 NOVEMBRO 2018
Tempo
20º
MIN 19º MÁX 21º

Edição

e-Toupeira: Os alegados crimes, as palavras de Vieira e o coro de reações

SAD do Benfica e Paulo Gonçalves acusados pelo Ministério Público de 109 crimes. Presidente das águias acredita numa "acusação sem qualquer fundamento sério" e, como de resto seria expectável, já há reações.

e-Toupeira: Os alegados crimes, as palavras de Vieira e o coro de reações
Notícias ao Minuto

08:15 - 06/09/18 por Francisco Amaral Santos 

Desporto Polémica

O processo e-Toupeira continua a ser o centro das atenções (e da polémica) na atualidade desportiva. Na quarta-feira, a Lusa teve acesso ao despacho do Ministério Público que acusa a SAD do Benfica de 30 crimes no processo e-Toupeira e o assessor jurídico Paulo Gonçalves de 79 crimes, o que pode resultar no afastamento das águias das competições por um período entre seis meses e três anos. 

O Benfica prontamente reagiu pela voz de Luís Filipe Vieira, presidente do emblema encarnado, que fez uma pequena e curta declaração no Estádio da Luz sem direito a perguntas por parte dos jornalistas. 

O líder máximo das águias, que compareceu acompanhado pela grande maioria dos elementos da administração, disse que "nada imputa crimes" à SAD e falou numa "acusação sem qualquer fundamento sério". 

"Como era expectável, a acusação em nada vem alterar a certeza já anteriormente citada da total licitude dos comportamentos da Benfica SAD, neste ou em qualquer outro processo. Na dita acusação não existe qualquer facto, mesmo que indiciário, que permita a imputação à Benfica SAD dos crimes aí descritos. Nem existe qualquer conduta circunstanciada no tempo, modo ou lugar, que relaciona a Benfica SAD com os crimes descritos", afirmou Vieira que pediu ainda aos adeptos e simpatizantes do Benfica para "confiarem" na SAD. 

Em causa no processo está também o facto de Vieira ter, alegadamente, conhecimento da entrega de benefícios a funcionários judiciais por parte de elementos ligados ao Benfica. 

A reação da oposição 

As palavras de Vieira foram breves, mas nem por isso deixaram de ser objeto de análise. Rui Gomes da Silva e Bruno Costa Carvalho são dois rostos conhecidos que se opõem à liderança do atual presidente do Benfica e não deixaram de reagir ao caso e ao discurso do líder das águias.  

"Acho que se impunha que Vieira falasse. Durante muito tempo manteve-se em silêncio e isso prejudicou a imagem [do clube]. Em termos formais foi correto, descansando os benfiquistas e esperando que a justiça concluísse que não havia nada a temer. Não pedia muito mais. Há uma ideia de que a justiça não é apenas a sentença final. Vieira quis dizer que acredita na absolvição. É o que todos esperamos.  Tanto quanto me é dado a perceber, acho que Benfica não corre risco de perder campeonatos ou pontos. Mas tem aqui um dano: o que serviu de arma de arremesso a adversários vira-se contra nós", afirmou Rui Gomes da Silva, em declarações à SIC Notícias. 

Por seu turno, Bruno Costa Carvalho recorreu ao Facebook para refletir sobre o porquê de não ter sido abordada a situação de Paulo Gonçalves. 

"Nem uma palavra de Luís Filipe Vieira sobre Paulo Gonçalves. Nem uma! Só resta mesmo demitir Paulo Gonçalves", escreveu naquela rede social, já depois de ter afirmado, no mesmo espaço, que embora ainda nada tenha sido provado e ninguém tenha sido condenado "há uma acusação" e tal "acusação não é feita de ânimo leve".

 

A reação do IPDJ 

Também João Paulo Rebelo, secretário de Estado do Desporto e da Juventude reagiu ao caso e pediu "celeridade" de forma a que fique assegurado "um clima de total confiança no panorama desportivo nacional".

"Admito que hoje os dias estão muito mais rigorosos relativamente ao escrutínio de uma forma geral das atividades que são mais públicas ou merecem o acompanhamento de um grande número de pessoas, o que não é uma má notícia", afirmou, também em declarações à SIC Notícias. 

A farpa do rival do Norte 

O FC Porto não deixou passar a oportunidade de ironizar face a tudo aquilo que tem abalado a realidade do Benfica. A troca de 'mimos' entre os dois rivais é uma constante e Francisco J. Marques, diretor de informação e comunicação dos dragões, recorreu ao Twitter para atirar uma nova farpa aos encarnados. 

"Isto tem realmente piada. E reconhecê-lo é da mais elementar justiça. Ops, justiça é uma palavra não muito querida pelos bem-humorados criativos", escreveu o dirigente do FC Porto, recordando um vídeo feito... pelo Benfica. 

O escândalo que já chegou a todo o lado 

O caso está a ter contornos elevados de polémica e por isso mesmo não tardou em chegar aos quatro cantos do mundo. A título de exemplo, o Washington Post destacou, na quarta-feira, as "acusações de corrupção" que podem fazer com que o Benfica "seja banido de competição". 

FPF abriu processo 

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) revelou, na tarde de quarta-feira, em comunicado a instauração de um processo de inquérito aos factos apurados pelo Ministério Público. Como é habitual nestas situações, o caso será investigado e avaliado pela Comissão de Instrutores que, após o apuramento de possíveis castigos ou sanções, enviará o caso de volta para o Conselho de Disciplina. 

Holanda-França defrontam-se e é tudo ou nada para a Holanda. Será que os campeões do Mundo se aguentam? Aposte 20€ sem risco e ganhe 112€, como o jogo vai estar empatado ao invervalo, mas no fim a Holanda ganha!!

Múltipla Liga das Nações: Aposte 20€ sem risco como o Holanda, Eslováquia e País de Gales vão ganhar e ganhe 407,8€! 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório