Meteorologia

  • 12 NOVEMBRO 2018
Tempo
13º
MIN 12º MÁX 13º

Edição

Estreia de Ronaldo 'salva' por Bernardeschi

Italiano apontou o golo da sofrida vitória da Juventus sobre o Chievo, já nos descontos, por 3-2.

Estreia de Ronaldo 'salva' por Bernardeschi
Notícias ao Minuto

18:56 - 18/08/18 por Fábio Aguiar 

Desporto Itália

Os adeptos da Juventus que percorreram os cerca de 300km para se deslocarem a Verona e assistirem 'in loco' ao primeiro capítulo do filme de CR7 na Serie A dificilmente poderia pedir um melhor arranque. A Vecchia Signora entrou praticamente a vencer, mas teve que sofrer para conquistar os primeiros três pontos nesta nova edição da Liga Italiana.

Logo aos 3' minutos, Pjanic cobrou um livre no lado direito, Chiellini surgiu ao segundo poste e assistiu Khedira para o primeiro golo do encontro.

A partir daqui assistiu-se a um verdadeiro 'massacre', com a 'Juve' a encostar a formação da casa às 'cordas'. Ronaldo, por duas vezes, ameaçou fazer balançar as redes pela primeira vez no futebol transalpino, mas o ambiente quente, motivado pela presença do melhor do mundo, rapidamente esfriou com o empate do Chievo. Na única vez que se aproximou da baliza à guarda de Szczesny... marcou. Stepinski apareceu entre os centrais adversários, saltou mais alto e restabeleceu a igualdade.

Um erro defensivo dos comandados de Massimiliano Allegri que seria repetido já no segundo tempo. João Cancelo cometeu grande penalidade sobre Giaccherini e o italiano, da marca dos 11 metros, não tremeu e consumou a 'remontada', gelando por completo as hostes bianconeras.

Como sempre nos habituou no Man. United, no Real Madrid e na Seleção Nacional, Cristiano Ronaldo assumiu a responsabilidade no momento mais difícil, 'carregou' a equipa e foi tentando remar contra a maré. Aos 61' cabeceou à figura de Sorrentino, aos 64' ofereceu o golo a Mandzukic mas o croata atirou ao lado e aos 66' obrigou o guarda-redes do Chievo a uma enorme intervenção. Contudo, seria Bonucci, de regresso à Juventus, a fazer o empate, na sequência de um pontapé de canto.

Último quarto de hora de loucos

Conseguida a tarefa que parecia mais complicada, a Juventus reforçou a superioridade e foi à procura da vitória. Já perto dos 90', a formação bianconera chegou mesmo a introduzir a bola dentro da baliza do Chievo, por Mandzukic, mas o árbitro da partida, após consultar o VAR, assinalou falta de Cristiano Ronaldo por suposta mão na bola e anulou o golo. 

Se não foi à primeira... foi à segunda. Com uma alma e um coração impressionantes, os campeões italianos foram à procura dos três pontos e conseguiram mesmo 'sacá-los', já nos descontos, por Bernardeschi, que desviou um cruzamento tenso de Alex Sandro. Um triunfo (muito) sofrido da Juventus, sem golos de Cristiano Ronaldo, mas que, pelas oportunidades criadas pelo melhor do mundo, deixa 'água na boca' aos adeptos da Vecchia Signora.

Na primeira mão a Croácia perdeu 6-0 contra Espanha. Será que a Croácia consegue a desforra? Aposte 20€ sem risco e ganhe 140€, como a Croácia vai ganhar por 2 - 1, 3 - 1 ou 4 - 1!!

Múltipla Liga das Nações: Aposte 20€ sem risco como o Cazaquistão, Bélgica e Grécia vão ganhar e ganhe 62€!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório