Meteorologia

  • 19 NOVEMBRO 2017
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 15º

Edição

Programa 365 Algarve terá 525 iniciativas culturais fora do verão

O Governo revelou hoje que a segunda edição do programa cultural 365 Algarve vai apresentar 525 iniciativas na região durante os meses de época baixa, mantendo o orçamento de 1,5 milhões de euros para o projeto.

Programa 365 Algarve terá 525 iniciativas culturais fora do verão
Notícias ao Minuto

18:56 - 18/08/17 por Lusa

Cultura Projeto

Em comunicado conjunto, os ministérios da Cultura e da Economia sublinharam que "um total de 525 iniciativas e apresentações constituem uma programação cultural construída exclusivamente a partir de propostas de agentes culturais e de animação turística regionais e sediados no Algarve, numa clara aposta na dinamização cultural local".

O Governo salienta que foram recebidas 135 propostas artísticas, de 97 entidades, e selecionados 24 projetos, que resultam nas 525 apresentações previstas, estando assim mais concentradas do que as 1.000 que constituíram a programação da primeira edição do programa.

Com o tema "Um território de sol para as artes", o Algarve 365 "assume-se, pelo segundo ano consecutivo, como uma proposta do Governo que visa o estímulo à criação e à oferta cultural no Algarve e ao enriquecimento da experiência turística, durante os meses da época baixa tornando, desta forma, o Algarve um destino turístico mais sustentável, capaz de atrair e satisfazer, durante todo o ano, quem visita o Algarve".

Segundo os destaques de programação, a segunda edição do 365 Algarve "alicerça-se em quatro eventos âncora: LUZA, Festival Internacional de Luz do Algarve (24 a 26 de novembro, Loulé); Festival do Contrabando (23 a 25 de março, Alcoutim); Festival Algarve Jazz Gourmet Moments (25 a 27 a maio, Lagos) e projeto Lavrar o Mar (Ano Novo, Páscoa e com projetos de regularidade de outubro a maio)".

A programação realça ainda as "novas apostas" que são a Festa dos Sentidos (outubro e novembro, Lagos), Um certo Ponto de Vista (outubro a maio, Faro, São Brás de Alportel e Portimão), AlGharb.Come (novembro a maio, Vila Real de Santo António, Castro Marim e Alcoutim), CataPlay (dezembro a maio, Faro, Vila Real de Santo António, Loulé e Vila do Bispo), Festival de Artes Performativas de Tavira (janeiro e fevereiro, Tavira), Festa do Acordeão (fevereiro, Loulé, Albufeira e Faro), Festival de Culturas Mediterrânicas -- Entre Mares, sob o olhar do viajante Teixeira Gomes (maio, Portimão) e ECOFEST -- Festival de Música e Ambiente (04 a 06 de maio, Olhão).

Dos outros eventos "consolidados com impacto e de estruturação da oferta", o comunicado realça o VIDEO LUCEM (outubro a maio, Faro, Lagoa, Tavira, Loulé, Vila Real de Santo António, Aljezur e Silves), o Festival Verão Azul -- VIII edição (17 a 28 de outubro, Faro e Lagos), o 2.º Festival Internacional de Piano do Algarve (janeiro a abril, Portimão), o Jazz nas Adegas (janeiro a abril, Silves), o FIMA -Festival Internacional de Música do Algarve (março a maio em diversos locais do Algarve) e a 4.ª edição dos Encontros do Devir "cidades utópicas" (abril e maio, Faro, Loulé e Lagos).

No âmbito do 365 Algarve têm ainda lugar a Festa dos Anos de Álvaro de Campos 2017 (outubro e novembro, Tavira), Faro Desvendado (outubro a maio, Faro), Momentos Fantásticos com Património (outubro a maio, Lagos), Bordeira Terra de Acordeão -- a obra de Hermenegildo Guerreiro (04 de novembro, Faro), Festival T -- Festival Internacional de Teatro de Albufeira (23 a 27 de março, Albufeira) e Terra de Maio (25 a 27 de maio, Castro Marim).

A maioria dos residentes e turistas no Algarve que assistiram a eventos da primeira edição do programa 365 Algarve ficaram satisfeitos com a experiência, indicou um estudo conduzido pela Universidade do Algarve apresentado em maio, que incluiu a realização de 1.200 inquéritos.

Em comunicado divulgado na altura, a Região de Turismo do Algarve, entidade que promoveu o estudo, adiantou que 84% dos residentes e 79% dos visitantes que assistiram a eventos daquele programa cultural "ficaram satisfeitos com a sua experiência e pretendem recomendar a iniciativa nos seus círculos mais próximos".

O 365 Algarve é desenvolvido através de uma parceria interministerial entre as Secretarias de Estado da Cultura e do Turismo, sendo integralmente financiado pelo Turismo de Portugal e operacionalizado pela Região de Turismo do Algarve.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório